Home

NOS DOMÍNIOS DO REALISMO FANTÁSTICO

RESSONÂNCIA DINÂMICA!

"Estamos todos a bordo de um trem que desce a montanha em alta velocidade. Há alguns comandos desconhecidos. E é bem possível que o maquinista seja o demônio. Enquanto isso, a maior parte dos passageiros (a humanidade) encontra-se no último vagão, olhando para trás”.

(Palavras de um Cientista que não quis se identificar)

 

Há muitos milhões de anos recuados no obscuro passado terrestre, criaturas estranhas se movimentavam pela face da Terra. Os répteis eram os senhores absolutos da situação, imperando em um ambiente extremamente hostil. Hoje, a Ciência já sabe que os desconhecidos e remotos ancestrais do homem conviveram com criaturas bípedes tais como eles mesmos, tendo - assim como acreditam alguns Cientistas - apenas um ramo desses incipientes ancestrais humanos, possivelmente geneticamente manipulados por seres superiores, vindo a se tornar naquilo que hoje somos. Não se sabe exatamente quais tipos de criaturas dividiram o espaço terrestre com aquele ramo privilegiado que veio a se tornar no Homo sapien sapiens.

 

Assim sendo, e para explicar a origem dos chamados Reptilianos, alguns outros cientistas e pesquisadores acreditam que, a partir dos répteis, uma criatura bípede também teria se tornado inteligente, disputando com os primeiros humanos a supremacia pela posse do planeta. Desde aqueles remotos tempos, essas criaturas teriam sido inimigas dos primitivos humanos, tendo os seu habitat nas profundezas das cavernas e subsolos, de onde saiam para matar, atacar e caçar - característica essa pertinente a alguns tipos de répteis. O que, todavia, não impede que tais criaturas tenham tido uma origem extraterrestre e aqui se adaptado em condições análogas àquelas encontradas no seu distante mundo.

 

O fato é que, depois da submersão da Atlântida e da partida dos verdadeiros iniciadores da espécie humana, conhecidos e reverenciados pelos povos do nosso passado conhecido como "Os Antigo Deuses", essas criaturas reptilianas se aproveitaram da situação tiranizando e escravizando várias civilizações já nos seus períodos decadentes - como, por exemplo, ocorreu no Antigo Egito. Nesse mural, situado no Templo de Hathor, em Denderah, vemos a representação desses "seres serpentes".

 

Tal situação não foi diferente na antiga Suméria, onde a pobre população - também escravizada - era obrigada a escavar minérios para abastecer as NAVES daquelas criaturas que, então, os levavam para o seu mundo! E os murais daquela civilização claramente indicam um décimo-segundo planeta no nosso Sistema Solar como sendo esse mundo de origem!

 

Já na América Central, foi a vez dos Maias (e também os Astecas) ficarem sob o jugo cruel dessas criaturas, não somente se tornando delas escravas, como também sendo os protagonistas de algo muito pior - que, por sinal, vem a ser a pior e mais horrenda das sanhas dessas abjetas criaturas:

 

Estamos nos referindo aos horrendos sacrifícios humanos, nos quais os prisioneiros eram imolados em pomposas cerimônias! A arqueologia clássica acredita que tais sacrifícios eram apenas rituais religiosos, porém a verdade é mais horrível do que podemos supor: - eles, os Maias e Astecas, se tornaram povos guerreiros por absoluta necessidade, uma vez que TINHAM QUE ALIMENTAR ESSAS CRIATURAS CANIBAIS, antes que viessem eles mesmos a se tornar o "almoço" desses monstros reptilianos, sedentos de sangue!

 

E o "prato preferido" desses répteis inteligentes era o coração das vítimas, arrancados de um só golpe pelos sacerdotes nos altares, para logo depois serem levados para os subterrâneos situados nos interiores dos templos e das pirâmides, onde tais criaturas se refugiavam! Esse reprodução de um mural maia é bastante clara e expressiva, e pedimos que você preste bastante atenção no detalhe da ESCADA, situada logo abaixo do corpo da vítima do sacrifício.

 

Esses seres hediondos, que passaram a temerosamente ser adorados como "deuses", ASSIM COMO HOJE eram essencialmente canibais - dependiam de outras criaturas vivas para se alimentarem e sobreviver. Aqui temos uma outra reprodução bastante clara e evidente, onde um deus serpente "almoça" uma outra pobre vítima dos terríveis sacrifícios humanos que tanto horrorizaram os colonizadores espanhóis das Américas. Essa raça era representada por um pássaro QUETZAL, ou ainda a "Serpente Emplumada" - acima vista devorando um ser humano, representada como uma divindade denominada QUETZALCOATL.

 

E agora vem outra coisa também escabrosa, ainda hoje revividas em algumas cerimônias pelas populações da Mesoamérica: - o chamado "Sacrifício das Virgens", mediante os quais as pobres donzelas das famílias maias e astecas eram entregues a essas criaturas e nunca mais voltavam. Aliás, era considerado um "honra" dar um filha para esses monstros. O que estaria, então, por trás disso?....

 

A resposta é simples: - essas pobres moças eram usadas em experiências genéticas, servindo de "esposas" forçadas para a conjunção carnal como essas criaturas reptilianas, de modo a servirem como suportes, e assim darem à luz bizarros seres híbridos que pouco a pouco IAM SE "HUMANIZANDO" - isto é, adquirindo características muito aproximadas da espécie da superfície! Oh sim, você quer saber o destino final das moças? Evidentemente que eram também usadas como alimentos quando, após os partos, ficavam "imprestáveis", isto é com os seus organismos corrompidos, não mais servindo para uma nova reprodução. O que você vê acima é um dos chamados "Cenotes", uma imensa rede de canais subterrâneos, hoje preenchidos pela água, que se espalham numa vasta rede, por quilômetros, no subsolo do México e da Guatemala! Dizem os Arqueólogos que são meras formações naturais, mas... E a ESCADA que você vê acima, denotando assim a sua origem claramente artificial?

 

Por sinal, hoje os mergulhadores que se arriscam na perigosa exploração desses verdadeiros labirintos submersos, encontram um autêntico "circo dos horrores": - centenas de esqueletos, jóias e peças cerâmicas nesses cenotes, provando assim que seres humanos serviram como "oferendas aos deuses", em outras palavras, como alimentos mesmo - e que um dia esses refúgios subterrâneos foram habitados - porém (e é claro), habitados não pela "gente da superfície"!

 

Os templos maias, além de serem dotados de um curioso formato, possuiam no topo certas áreas retangulares, muito apropriadas para máquinas voadoras que decolassem e pousassem na vertical. Além disso, essas pirâmides e templos de toda a América Central eram providos nos seus subsolos por uma vasta rede secreta de túneis, por sinal ainda não explorados! Na foto acima, uma templo maia perdido em meio às selvas da Guatemala, somente agora revelado pelas lentes do satélite. (FOTO: © TerraMetrics/GeoEye/Google)

 

E "eles", os povos dos subterrâneos, não estão extintos! Hoje em dia, há estranhas denúncias (e muitas evidências) de que essa raça de seres meio lagartos e cruéis, estaria - TAMBÉM - mais aprimorada e perigosamente perpetuada - infiltrada entre a espécie humana, tal como mostrado na antiga série de televisão "V" (imagem acima) - habilmente sob o disfarce dos seres humanos! Ou então, o que seria mais lógico, reproduzindo-se a partir de horrendos cruzamentos genéticos AINDA HOJE efetuados por tais criaturas, mediante o auxílio dos famigerados humanóides grays, seus aliados mais diretos - além, é claro, de alguns humanos ambiciosos e traidores da espécie humana, e tudo através de um plano sinistro e muito sutil, desde muito em andamento, que pretende DOMINAR A TERRA!

 

O nome DENVER lembraria alguma coisa a você? Claro que sim, pois se você nos acompanha certamente se lembrará da nossa página anterior, denominada DENVER AIRPORT - acerca do aeroporto mais bizarro e estranho do planeta, repleto de pinturas surrealistas que diriam respeito a um trágico fim da nossa civilização - um fim brutal associado aos planos da tal Nova Ordem Mundial, o governo das sombras no mundo, associado aos grays e regido pelos reptilianos, que planeja tomar posse da Terra após causar uma série de convulsões e eventos violentos de modo a reduzir a população mundial em 90 POR CENTO, implantando finalmente um governo único e totalitário no planeta devastado e sob seu total controle, após a conseqüente falência de todas as instituições! Na imagem acima, uma alusão à SERPENTE em um dos murais daquele aeroporto.

 

Como, também, algo que soaria como uma fina ironia ou uma provocação: - a imagem de um pássaro QUETZAL, o deus réptil dos maias, contendo o seu nome científico e logo após: - EXTINTO.....?. Claro que não, pois eles ainda estão por aqui!

 

Pois, como eles mesmos se auto-intitulam: "Um pequeno grupo de americanos que buscam a Idade da Razão", (isto é, manipulando a economia mundial, causando guerras, depondo governos, invadindo países alheios, gerando o caos social, a miséria e a fome em todo o mundo, e assim por diante) o objetivo maior e final é o mais sinistro de todos. Pois, assim como você viu na nossa página anterior, ainda se dão ao luxo de acintosamente plantar monumentos contendo os 10 blásfemos mandamentos da sua satânica ordem. O pior deles é o justamente o primeiro: - MANTER A HUMANIDADE ABAIXO DE 500 MILHÕES DE PESSOAS, EM PERPÉTUO BALANÇO COM A NATUREZA. Em outras palavras, acabar com a sua totalidade, hoje superando 6 BILHÕES de almas! Todavia, existem métodos nada explícitos, porém muito mais sutis do que esse acintoso monumento situado na Georgia.... Eles também manipulam a Mídia e os meios de comunicação!

 

E esses planos, que até mesmo envolvem um controle de massas através da Mídia, já não são mais segredos para ninguém! Vejam, por exemplo, essa chamada de capa da conceituada revista Popular Mechanics, denunciando: - "QUANDO OS UFOS CHEGAREM - O Governo dos Estados Unidos já têm um plano altamente secreto de milhões de Dólares pronto para entrar em ação". E que planos seriam mesmo esses? Induzir as populações a receberem com alegria e esperança os "bem-intencionados visitantes"? Forjar com o auxílio deles uma "guerra interplanetária"? Tudo é mesmo possível!

 

As atividades de informação e contra-informação, por vezes feitas subliminarmente, são extremamente perigosas. Uma nossa estimada visitante nos lembrou alguma coisa bastante interessante relacionada com o nome DENVER. Tratava-se de um inocente desenho animado, dirigido portanto ao público infantil (e inclusive tendo recebido recomendação da National Educational Association), levado ao ar nas televisões mundiais durante os anos 1988/1980. O nome era "Denver o Último Dinossauro":

 

Para resumirmos, a história principiava quando uma espécie de túnel do tempo, ou Stargate, se abria no espaço....

 

.... E no seu interior viajava um simpático dragãozinho!

 

Curiosamente, o seu nome era DENVER, isso sete anos antes da inauguração do tal sinistro aeroporto daquela cidade norte-americana.

 

Continuemos, então, a história: um grupo de crianças encontra um "ovo" dentro do qual o dragão estava encerrado. Um "ovo" realmente muito suspeito, uma vez que de "ovo" não parecia ter nada, mas, sim, lembrava o formato de um UFO, ou, então, de uma cápsula temporal!

 

Denver, então, é adotado pelas crianças - crianças de VÁRIAS RAÇAS - tornando-se um grande amigo delas...

 

.... E o filme sugere que essa amizade é valiosa, pois o tal dragãozinho oferece suas coisas maravilhosas às crianças!

 

E, claro, o tal dragãozinho que não era bobo nem nada, GOSTAVA MUITO DE MULHERES!

 

E, vejam só, a origem do tal dragão era justamente os tempos pré-históricos do passado terrestre!

 

O desenho animado mostrava ainda algo muito sutil, sugerindo que outros répteis pré-históricos poderiam igualmente viajar no tempo! Em suma: - dirigido às crianças dos anos 88/90, que hoje SÃO ADULTOS, tal inocente desenho animando implantava uma sutil sugestão na mente delas, fazendo-as crer que a raça dos dragões poderia chegar um dia, viajando no TEMPO, trazendo coisas benéficas e maravilhosas, tornando-se amiga da espécie humana!

 

Nos Registros Bíblicos, o número da Besta do Apocalipse, precisamente o "DRAGÃO", era descrito como 666. A conquista espacial interessa sobremaneira à tal Nova Ordem Mundial - também por trás dessas atividades, manipulando tudo! E, por sinal, "eles" gostam bastante desse fatídico número! Há curiosos exemplos. Vejam esses: - Missão Apollo-8 da NASA, tripulada por três Astronautas: Lovell (seis letras), Anders (seis letras) e Borman (também seis letras) = 666!

 

E veja também o número de identificação do helicóptero da Marinha Americana que recolheu a cápsula que eles tripulavam nas águas do pacífico, após o término daquela missão espacial: 66!

 

Curiosamente, já na posterior Missão Appolo-10, o MESMO helicóptero recolheu a cápsula de resgate dos seus Astronautas. Quanta "coincidência"!

 

E na Missão Apolo-11, aquela que levou o homem à Lua, o então Presidente Americano Richard Nixon efetuou uma ligação direta entre Neil Armstrong, este no solo da Lua, e as instalações da NASA, discando um curioso número para efetuar a conexão: - 666-6666!

 

E essa foto oficial da NASA nos mostra os tripulantes daquela Missão ajustando os seus equipamentos de filmagem antes da partida. O número da foto, contendo o nome da missão, o ano e o seu respectivo número de catálogo? - AP11-69-H-666! Nesse particular, estamos de volta àquele velho dilema: - "Quem veio primeiro, o ovo ou a galinha"? Pois, ou as milenares profecias da Bíblia estavam absolutamente corretas, ou então eles adotaram esse número para, vamos dizer assim, "autenticar" de maneira demoníaca os seus sinistros planos e as suas nefastas atividades!

 

Paraiso Perdido? - Pergunta esse cartaz relativo à Conferência das Mudanças Climáticas, levada a efeito pela ONU em dezembro de 2009, na qual todos os líderes mundiais estiveram reunidos em Copenhague para tentar salvar o nosso planeta dos perigoso efeitos causados pela poluição generalizada, responsável pelos danos do Efeito Estufa e pela perda da camada de ozônio que protege a Terra - algo que, se nada for feito enquanto ainda há um certo tempo, fatalmente poderá levar ao fim da nossa civilização e até mesmo à quase total extinção da vida nesse planeta! Qual foi o resultado dela? ZERO! Nada se decidiu, apesar dos protestos dos países pobres e em desenvolvimento, além da grande pressão popular no lado de fora (reprimida brutalmente pela polícia local). Os países considerados ricos (na verdade os "donos do mundo" e os maiores responsáveis pela degradação do meio ambiente, recusaram-se a adotar medidas concretas para pôr fim a essa situação. Enfim, eles querem mesmo que a Terra entre em colapso, pois faria parte do "jogo"!

 

Atualmente (e assim como no passado), as perigosas criaturas reptilianas continuam sedentas de sangue, uma vez que são essencialmente canibais. O famoso "chupacabras" nada mais é do que um eufemismo para determinar as atividades dessas horrendas criaturas no nosso mundo, dizimando e se alimentando de rebanhos inteiros, aves, animais domésticos e - de vez em quando - também seres humanos! (IMAGEM: © HowStufWorks)

 

E uma das imagens mais aproximadas dessas criaturas foi aquela mostrada no filme de Hollywood SIGNS (Sinais), vista acima - note-se que são quase que dotadas de formato humano! E são exatamente essas criaturas que estão por trás da tal Nova Ordem Mundial e, conforme denúncias, muitas delas travestidas de humanos e controlando grandes nações e governos mundiais! Infelizmente, isso não se trata de ficção ou mesmo de uma mera lenda urbana. A realidade pode ser bem mais horrível do que possamos pensar! E uma das partes do plano será a chegada em massa dessas criaturas à Terra, unindo-se àquelas já aqui infiltradas - possivelmente (e segundo as antigas profecias), em 2012 quando o "décimo-segundo planeta", ou NIBIRU, se aproximar do nosso Sistema solar!

 

RESISTA À NOVA ORDEM MUNDIAL, PAREM COM A NOVA ORDEM MUNDIAL - já estampam em todas as partes do planeta mensagens como essas, elaboradas por uma parcela lúcida e racional da nossa humanidade, a qual já antevê os sinistros propósitos dessa grande e suja conspiração que põe em risco a sobrevivência e o próprio futuro da espécie humana neste planeta. Será, SIM, preciso resistir e impedir que esses sinistros planos se concretizem, enquanto talvez ainda nos reste algum tempo! Pois, o severo alerta daquele cientista que não quis se identificar, torna-se - agora e cada vez mais - totalmente válido, urgentemente necessário: - "Estamos todos a bordo de um trem que desce a montanha em alta velocidade. Há alguns comandos desconhecidos. E é bem possível que o maquinista seja o demônio. Enquanto isso, a maior parte dos passageiros (a humanidade) encontra-se no último vagão, olhando para trás”.

 

Agradecemos às nossas estimadas visitantes Elsa Esteves (Portugal), Scheila Moraes e Valéria Macedo pelas valiosas colaborações prestadas para a elaboração desta página

 

Próxima Página

Página Anterior

Predator