Home

NOS DOMÍNIOS DO REALISMO FANTÁSTICO

APOLLO 20..... MONA LISA!

"Que serão, afinal de contas, para vós, esses encontros com o insólito? Uma ficção? Aquele que os ler deverá decidir por si mesmo, e ninguém fará críticas quanto a isso - nem mesmo eu! Mas, para aquele que, tanto quanto eu que os vivi, neles ouvir o som vibrante da verdade, então, que esta narrativa seja para ele a mensagem de esperança e de fé que iluminará o seu caminho! De um e de outro, continuo irmão, pois somos reunidos numa mesma e efetiva viagem, de cujas experiências. penas e alegrias compartilhamos juntos. Nós temos, cada um, nossos encontros, pequenos e grandes. Pequenos e grandes, eles são as jóias do nosso caminho..."

(Palavras que também fazemos nossas, de Raymond Bernard, FRC - Encontros com o Insólito - Biblioteca Rosacruz, Volume V)

 

Sim, pois a Realidade, por vezes, e na maioria das vezes, supera a própria ficção! O gelado e inóspito território da Groenlândia, quase no extremo Norte do nosso planeta - um lugar, por exemplo, onde as imagens tomadas pelos nossos modernos satélites nos mostram algo verdadeiramente surpreendente - algo realmente tão grande que pode ser detectado até mesmo desde o espaço sideral: (FOTO: © NASA/TerraMetrics/Google)

 

Algo ou alguma coisa, aliás DUAs coisas - e note-se uma estranha tarja preta, logo abaixo, tão sigilosas e tão secretas que, temos informações, existiria uma missão especial ultra-secreta enviada pela NASA e pelo próprio Governo Americano, a qual inclusive já estaria acampada na área explorando tal inusitado objeto! (FOTO: © TerraMetrics/Google)

 

Onde a tarja preta poderia ser explicada, como se vê nessa outra imagem planificada, na qual alguém já demarcara aquele local. Porém, o que não se explica é justamente o inusitado tamanho do tal outro objeto - simplesmente colossal! (FOTO: © Europa Technologies/NASA/ European Space Agency/TerraMetrics/Google)

 

Pois, um derretimento nas eternas geleiras da Groenlândia revelou a existência desse um colossal artefato, ali soterrado há quem sabe milênios, e que muito provavelmente se trate de um objeto de natureza alienígena - possivelmente um UFO emborcado! (FOTO: © TerraMetrics/Google)

 

Um objeto que, por outro lado, também poderia se tratar de uma gigantesca espaçonave alienígena acidentada, conhecida em Ufologia como uma nave-mãe! Acidentada ou, quem sabe, abatida mediante um confronto bélico ocorrido há muto tempo atrás - precisamente no nosso mais remoto e desconhecido passado!.... (FOTO: © TerraMetrics/Google)

 

..... Uma vez que as marcas dessa destruição ainda estão bem visíveis nessa imagem com maior aproximação! Há orifícios perfeitamente discerníveis, além de vestígios em várias áreas da sua estrutura ostentando queimaduras muito extensas. Uma coisa, porém, é certa: - isso jamais foi um navio soçobrado. Até porque, essa área está intocada desde milhões de anos e, assim, muito evidentemente jamais quaisquer navios poderiam ter trafegado através dos seus gelos imemoriais. Além do mais, nunca existiram navios desse tamanho! E por que exatamente forças militares norte-americanas, cientistas e membros da NASA se interessariam tanto por isso? (FOTO: © TerraMetrics/Google)

 

Faz sentido, faz sentido! Precisamente porque, nessa área, situada em Iszak-D, a sudoeste da Cratera Delporte, NA FACE OCULTA DA LUA.....

 

..... Numa região situada logo abaixo, em diagonal e a sudoeste, de onde estranhos monumentos circulares se fazem presentes....

 

.... E onde missões anteriores da NASA, precisamente as Apollos de 15 a 17, aliás, já haviam detectado uma estranha "anomalia" - verificou-se que havia ali por lá alguma coisa muito, muito semelhante àquilo que recentemente descobriu-se sob os gelos da Groenlândia !

 

E foi justamente por isso que a Missão Apollo-20, sob o codinome "Vandenberg Twenty" ("Vandenberg-20"), realizada com a colaboração Soviética em 16 de agosto de 1976, teve um caráter ultra-secreto e rigorosamente sigiloso! Aliás, podemos constatar pelo estranho objeto mostrado no seu emblema que se tratava de uma missão muito especial. Uma missão que "oficialmente" não existiu dado ao seu caráter ultra-sigiloso, além, é claro, de altamente "embaraçoso".

 

Sua tripulação era composta por William Rutledge, Leona Snyder da Bell Laboratories, (na foto vistos quando embarcavam no módulo da Apollo-20)....

 

.... E ainda Alexei Leonov (foto), cosmonauta soviético que anteriormente participara da Missão Soyuz. É claro que o objetivo, bem como os resultados de tal missão conjunta tripulada jamais foram tornados público, mas somente até um dos seus astronautas, atualmente com a avançada idade de 76 anos e padecendo de uma grave artrose, ter rompido o seu silêncio de longos anos e publicamente revelado em 2007 a espantosa verdade da qual foi protagonista! O mesmo William Rutledge - ferozmente caçado pelos órgãos de segurança Russos e Americanos - no momento vivendo na África, precisamente em Ruanda, e compreensivelmente protegido sob uma outra identidade, o qual não somente foi uma das atônitas testemunhas oculares do evento, como também conseguiu e guardou consigo uma cópia das filmagens que fez no local - precisamente na misteriosa face oculta da Lua! Evidentemente que a NASA peremptoriamente nega tal expedição, bem como alguns setores céticos igualmente a rejeitam. Contudo, até que ponto isso teria sido uma "farsa", assim como estes afirmam? E, se o foi, terá sido uma "farsa" realmente muito bem feita, MUITO BEM FEITA E PERFEITA DEMAIS para se trata de uma simples farsa, assim como as mais chocantes evidências o atestam!

 

Pois, todas essas evidências apontam justamente o contrário! Não devemos duvidar de nada, uma vez que teria sido muito difícil alguém se dar ao trabalho de montar um filme dotado de tal conteúdo, apenas e meramente destinado a uma exibição gratuita e sensacionalista. Ademais, Rutledge faz questão absoluta de afirmar que não está ganhando nada com essas suas revelações e sequer deseja promoções pessoais. Além do mais, um longo histórico de acobertamento de verdades e a supressão de fotos e evidências altamente comprometedoras por parte da NASA e do próprio Governo Americano não nos permitem duvidar da veracidade desse evento.

 

Para começar - e já sobre a superfície da Lua - o filme tomado a bordo do Módulo Apollo-20 começava a seguir os longos rastros sulcados na paisagem, os quais sugeriam aquilo o que logo adiante iriam encontrar: - a marca de uma antigo drama que por lá se desenrolara : - uma nave alienígena acidentada!

 

Nesse filme, aliás, a tripulação da Apollo-20 também constatou nas proximidades da nave a existência de uma profusão de destroços os quais brilhavam intensamente, o que comprovava (e reforçava) a hipótese de um antigo acidente. William Rutledge declarou em uma entrevista que a Missão Apollo-20 chegou a pousar no local desse antigo acidente, tendo a sua tripulação atestado que se tratava de uma nave-mãe, muito antiga, que havia cruzado o Universo há pelo menos 1,5 milhões de anos!

 

Nessa imagem, através de um outro ângulo, detalhe da cabine de comando da imensa espaçonave alien.

 

Aqui vemos, além de outras, a marca de um orificio penetrante na parte frontal, tal como se tivesse sido causado por uma espécie de raio laser infinitamente mortal, o qual perfurou justamente as proximidades da cabine da comando daquela espaçonave alienígena. Os Astronautas julgaram se tratar de marcas de impactos de metoritos sobre a estrutura da nave, porém impactos de meteoritos jamais teriam sido tão simétricos assim.

 

E não adianta mais os negadores, como também os sempre muito eficientes setores de contra-informação, os debochados e os engraçadinhos (estes chegando a afirmar que a fotomontagem de um navio teria sido colocada na cena!) afirmarem que tudo isso poderia ter sido uma fraude, uma vez que nessa FOTO ORIGINAL DA NASA - aqui em tamanho reduzido pois é imensa e, portanto, não caberia nesta página (cerca de 2,95 megas) - nos mostra essa região próxima da Cratera ISZAK-D, onde o objeto desconhecido pode realmente ser encontrado! Dessa forma, aquilo que nos interessa está situado exatamente na extremidade superior direita dessa imagem....

 

..... Precisamente AQUI! Fomos buscar para você: - veja, bem à sua direita, logo após as duas crateras....

 

.... E comprove aqui, no detalhe devidamente assinalado! Não é um mero truque ou montagem - repetimos: A FOTO É ORIGINAL DA NASA! E, aliás, foi justamente a partir dela que a Missão Apollo-20 foi secretamente lançada.

 

E eis aqui uma ampliação do incontestável detalhe! Onde está, então, a suposta fraude? Uma "fraude" tão bem feita que os astronautas da Apollo-20 chegaram a penetrar no seu interior!!! E no seu interior, havia muitos símbolos - velhos resquícios de vegetação na parte do "motor", ou da sua fonte de propulsão - não só assim provando que ela proviera de um mundo dotado de VIDA, como também......

 

.... Alguma outras coisas, coisas muito especiais, que foram encontradas no seu interior! Na filmagem da época, vemos um dos astronautas da Apollo-20 já no interior da colossal astronave alienígena.

 

E aqui, em meio a estranhos símbolos, a marcação dos takes daquela filmagem.

 

Primeiramente, estranhos painéis espalhados pela nave ostentavam curiosos caracteres originários de uma linguagem desconhecida.....

 

.... Aqui visto em uma outra cena.....

 

... Como também aqui, num outro singular exemplo!

 

E o mais surpreendente de tudo: - ainda no interior da nave alienígena acidentada na Lua, pequenos corpos dilacerados de seres alienígenas foram encontrados! Contudo, DOIS deles estavam quase intactos..... E um deles, de uma outra criatura além dessa mostrada acima - aparentemente uma fêmea - e cuja atônita tripulação da Apollo-20 batizou como "Mona Lisa EBE" (Extraterrestrial Biological Entity)! Segundo William Rutledge, seu corpo estava na cabine de comando da nave (repleta de longos tubos semi-hexagonais e inúmeros caracteres alfabéticos desconhecidos), e ela usava uma viseira, ostentava estranhos dispositivos acoplados aos olhos e mãos. Sua altura era de 1,65 metro, dotada de seis dedos e também longos cabelos! Chocante? Sim, sem qualquer dúvida! Continuemos, então....

 

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA CONTINUAR

Agradecemos à nossa estimada visitante Vivian Arreal pela valiosa colaboração prestada para a elaboração desta página

 

Próxima Página

Página Anterior

The Pit - DOOM2 music