Home

NOS DOMÍNIOS DO REALISMO FANTÁSTICO

ONDA DE LUZ, DIREÇÃO DO TEMPO

"Os Discos Voadores são máquinas, embora pareça que pulsem como seres viventes; é maravilhoso vê-los desfilar no espaço reduzindo e aumentando a luz verde que emitem, num movimento oscilante de sístole e diástole, como um coração vibrante de vida. Enquanto descem no Cosmo parece que respiram e, nessa fisiológica função, encontram a energia necessária à sua dinâmica"

(Quixe Cardinale - DE VOLTA ÀS CIVILIZAÇÕES PERDIDAS)

 

Sim, e desde um longo tempo, desde o mais remoto passado terrestre, algumas dessas máquinas simplesmente vigiam, simplesmente guardam e velam. Vigilantes silenciosos! Nessa foto, sobre a torre da Igreja de Todos os Santos, na cidade de Driffield, um belo e muito luminoso UFO se fazia presente.

 

A História desconhecida da Terra é verdadeiramente muito mais remota do que nos ensinam os tradicionais tratados - e, por via de conseqüência, a trajetória humana igualmente acompanhou este longo processo. Na foto acima, uma prova disso: - o fóssil de uma grande mão cuja idade foi confirmada em 130 MILHÕES DE ANOS - quando, apenas e teoricamente, o homem ainda não existia sobre a face deste planeta!

 

Nada, portanto, impede que aqui tenham chegado seres provenientes dos mais distantes mundos do Universo, e muito provavelmente que algumas deles não apenas nos visitassem, mas, que também aqui tenham estabelecidos as suas colônias, as suas cidades - enfim, tenham prosperado e desaparecido com o decorrer do tempo. Na foto acima, antigos artistas da Austrália, nos remotos tempos pré-históricos, retrataram as imagens de estranhos seres, tendo logo acima deles, no espaço, no que seria o céu, um objeto que, de pronto, lembra o formato de um UFO - muito embora os arqueólogos tradicionalistas sustentem que se trata de um.... "peixe"!

 

Porém, tudo prova exatamente o contrário. Por todas as partes do mundo os antigos murais, as esculturas, como também os mais velhos Registros e as Tradições nos relatam a existência de um passado glorioso e lamentavelmente perdido - altamente tecnológico, onde as viagens pelo céu, a existência de maquinários e de prodigiosas, além das extremamente avançadas culturas que nos antecederam. Na foto acima, nas ruínas maias de Quiriguá, Guatemala, a clara representação de um personagem - aliás uma "divindade" - pilotando um nave com o formato de um disco. Note-se as suas mãos no controle de uma espécie de manche, tal como aqueles que hoje utilizamos nos nossos modernos aviões!.....

 

,,,, E comprove nos detalhes, agora mostrados no correspondente negativo. Que extraordinária perfeição de detalhes!

 

Assim, não devemos duvidar das Antigas Tradições, as quais nos relatam que há muitos milhares de anos uma civilização advinda de UMA OUTRA GALÁXIA fundou aqui na Terra o prodigioso Continente da Atlântida, o qual, há cerca de 12 mil anos passados, sucumbiu em meio a uma catástrofe ainda não identificada que veio a causar a sua total submersão nas águas do Oceano Atlântico. Acima, você uma paisagem situada nos Açores - segundo as Tradições, uma parte daquele perdido continente. Podemos ver algo relevante nela?......

 

SIM, claro. Constatemos, então, na ampliação de detalhe, uma curiosa escultura elaborada em uma alta montanha - uma espécie de sentinela ou guardião que fita as distantes águas do Oceano Atlântico, precisamente lá onde se situava a perdida pátria-mãe. Tem lógica, uma vez que essas mesmas Antigas Tradições nos dizem que o submerso continente atlante deixou as suas colônias espalhadas por várias regiões da terra.

 

Mas, foi no Antigo Egito, porém, que se situava a mais importante de todas as colônias, a qual veio a dar abrigo aos sobreviventes da catástrofe que impiedosamente destruiu a Atlântida! E as pirâmides, notadamente a figura da Esfinge, são as marcas muito antigas dessa afiliação! Reza a Tradição que mediante aquela tragédia, "Os filhos ficaram sem o pai", tendo, pois, que recomeçar tudo de novo. Alguns voltaram aos seus mundos de origem, ao passo que alguns outros, voluntariamente resolveram ficar na Terra. Os seus antigos sábios, então, resolveram deixar para a posteridade alguns avisos, como também uma grave advertência, guardados em TRÊS CÁPSULAS O TEMPO. ou AS CÂMARAS DOS REGISTROS, onde guardaram exemplos da sua tecnologia, o resumo dos seus conhecimentos, como também os seus registros históricos - tudo para ser devidamente descoberto quando os tempos se fizerem propícios e as futuras humanidades estiverem devidamente preparadas para receber e assimilar tais revelações. A Atlântida, lembremos, caiu pelo mal uso da Ciência, exatamente e tal como, metaforicamente, nos dizem os atuais livros religiosos e sagrados: - "Pelo abuso dos frutos da árvore da Ciência do bem e do Mal"!

 

A História é cíclica, sempre se repete. Cabe, então, aos homens, através do Livre Arbítrio de que dispõem, transformá-la ou então, ainda um vez, perigosamente revivê-la..... Até que a grande lição seja finalmente aprendida! Os Antigos Sábios e os mais Elevados Mestres do passado, sabiam que o mundo, mais uma vez, seria chamado a SE TORNAR UMA NOVA ATLÂNTIDA, um crucial momento de escolha que é exatamente representado pela ÉPOCA ATUAL EM QUE VIVEMOS! Acima, você vê a foto da tradicional Oglethorpe University, situada em ATLANTA, Georgia, EUA, aquela que, REVIVENDO ALGO QUE OCORREU NO NOSSO MAIS DISTANTE PASSADO, se tornou uma das pioneira na iniciativa de guardar para as humanidades futuras - se é que haverá futuro - todos os registros daquilo que foi a nossa civilização.

 

"Uma Cápsula do Tempo Enterrada sob a Feira Mundial" - estampou a reportagem dessa antiga revista, datada do distante ano de 1938, mostrando uma Cápsula do Tempo sob uma feira mundial, colocada pelas indústrias Westinghouse. Contudo, tratou-se também de uma outra fortaleza profundamente enterrada, assim como aquela, porém muito maior e mais completa, elaborada no mesmo ano pela Oglethorpe University - precisamente sob a biblioteca daquela Universidade - resguardada por sólidas paredes de rocha bruta e selada por uma fortíssima porta de aço inoxidável com as dimensões de 127 por 381 centímetros, com as suas paredes e tetos revestidos de porcelana vitrificada. Em suma, algo tão poderosamente preservado que nem mesmo quaisquer cataclismos ou sequer as guerras nucleares poderão destruir! (FONTE: Popular Science)

 

"Preservando a Cripta da Civilização" - diz a chamada do texto. A grande cápsula de ATLANTA, da Oglethorpe University, (seria semelhança este nome ou mera coincidência com o nome ATLÂNTIDA?) está provida com um fantástico "Museu do Tempo", que virá a reservar aos arqueólogos do Ano Domini 8.113 um quadro realista e bastante explícito daquilo que o homem do nosso remoto Século XX conseguiu realizar durante a sua breve trajetória neste mundo. (FONTE: Popular Science)

 

"Nossa História em uma Tumba" - Sim, em uma tumba que contém toda essência da nossa cultura, Ciência e tecnologia disponível até os anos 1938/1940 - rumo ao futuro e totalmente a salvo de quaisquer pilhagens ou vandalismos! (FONTE: Popular Science)

 

Essa engenhosa "Máquina do Tempo", talvez com uma razão muito justificada construida sob formato PIRAMIDAL, atravessará milhares de gerações em direção aos nebulosos meandros do futuro, contendo, na sua porta blindada - se acaso acidentalmente descoberta antes do tempo (o que será difícil) - instruções no sentido de não ser violada e somente ser aberta no distante ano 8113. (FONTE: Popular Science)

 

A escolha do ano 8113 para a abertura da Cápsula do Tempo não representou uma atitude meramente aleatória dos seus idealizadores. O cientista Dr. Thornwell Jacobs desejou estipular uma data que tivesse alguma ligação com a imensa sabedoria de um remoto passado. Para isso, adicionou o número 6.177 ao ano corrente, 1936, obtendo assim o total de 8113. Este número 6177, por sua vez, fora obtido a partir de 4.241 anos ANTES DE CRISTO, numa justa homenagem aos Antigos Egípcios que instituíram o primeiro calendário. E foi, justamente por essa razão, que a mais antiga de todas as Fraternidades da Terra, Os Rosacruzes, cuja origem remonta àquela velha civilização, foi convidada pelo arquivista da Oglethorpe University, o DR. T. K. Petters, a colocar naquela cripta do tempo uma mensagem para o futuro, contendo a essência das suas Doutrinas e Ensinamentos, das Artes e da sua elevada Ciência Esotérica! (IMAGEM: Ancient and Mystical Order Rosae Crucis)

 

E assim foi feito! Cerca de 320 mil páginas do Sagrado Conhecimento Rosacruz foram cuidadosamente microfilmadas, reduzidas a um pequeno tamanho (2,5 por 4 centímetros) e colocadas em 50 cápsulas de aço inox, revestidas de asbesto vitrificado, após terem sido seladas, despressurizadas e preenchidas com uma substância gasosa inerte de modo que ficassem assim devidamente conservadas até o infinito! Na foto acima, a última imagem da Cripta do Tempo antes de, e logo após uma comovente cerimônia, ser definitivamente selada e assim começar a sua longa viagem através do tempo. Note-se, como uma última homenagem, os hieróglifos egípcios apostos na parede ao fundo. (FOTO: Rosicrucian Digest)

 

Tudo faz sentido, o mais amplo sentido! Aqui, a imagem do interior de um Sagrado Templo Rosacruz - uma réplica do mundo, da Terra e do Céu. Aqui, o local em que desde as mais remotas eras, aqueles que foram os seus mais elevados e autênticos Mestres, os verdadeiramente tocados pela Luz, transmitiam aos devidamente preparados, toda a grande e imorredoura sabedoria das eras pretéritas, guardada através dos tempos pelos mais puros Ministros do Amor. Um conhecimento que, para o próprio bem da humanidade, jamais poderia cair nas mãos e sob o domínio de mentes erradas. Um Conhecimento Maior cuja consecução final ainda é esperada. Mistérios são mistérios - a Luz somente para os escolhidos, uma vez que NINGUÉM É SEM NUNCA ANTES TER SIDO! Nada terá sido por mero acaso! Uma transmissão que pacientemente passa por sucessivas gerações e gerações, construindo assim e pouco a pouco os alicerces da humanidade iluminada e finalmente redimida do amanhã - através do retorno cíclico dos seus membros, encarnação após encarnação, sob a égide do Sagrado Triângulo cujo vértice mira o Espírito e cujas pontas significam a Luz, a Vida e o Amor - a fortaleza para aqueles cujo número é mantido, desde sempre, INTENCIONALMENTE CONSTANTE!

 

Quase tudo já pode ser dito! A origem atual da Ordem, sendo, no entanto, muito mais antiga do que isso (na verdade advinda desde a Perdida Atlântida), remonta aos tempos da XVIII Dinastia Egípcia, sob o reinado daquele que foi o seu Grande Mestre, o Faraó Akhenaton - o membro de uma linhagem predestinada, uma das mais sublimes almas que tocou este planeta, o primeiro a estabelecer no mundo o Monoteísmo, a crença em um Deus Único, Universal e Pai de todos os seres viventes - enfim a Luz Sublime que emana do Amor - de todas e para todas as criaturas. O iluminado Akhenaton apenas a restabeleceu naqueles tempos, abriu para ela um novo ciclo, uma vez que Venerável Ordem periodicamente SE RETIRA DO MUNDO, para retornar somente em uma outra época, bem definida. Aliás, estamos mesmo perto, muito perto, do fechamento do seu ciclo atual!

 

A Cripta da Civilização de Atlanta, para que no futuro distante aqueles que nos sucederem possam finalmente descobri-la - o que seria impossível sem qualquer tipo de referência - teve a sua existência discretamente divulgada mediante pistas muito seguras quanto à sua localização, algumas confeccionadas em papel especial, prensado em acetato de celulose e submetidas a intenso calor e pressão, de modo a torná-las praticamente indestrutíveis, sendo então colocadas em diversas instituições de ensino e filosofia desde o Oriente ao Ocidente, espalhadas dessa forma por todo o globo terrestre. Até mesmo nas mais isoladas monasterias do Himalaia, China, Japão, Tailândia, Tibete e Inglaterra, essas pistas permitirão àqueles que nos sucederem voltar ao passado e redescobrir aquela que foi a nossa Civilização, até mesmo quando esses lugares não mais existirem sobre a face da Terra! Além disso, a Sociedade Geodésica e a Guarda Costeira dos EUA elaboraram e colocaram mapas bastante precisos, os quais fornecerão aos pesquisadores do futuro as exatas cordenadas quanto à localização da Cripta, a partir de uma triangulação cartográfica efetuada entre as montanhas Stone e Kennesaw. Acima, um detalhe da Cápsula do Tempo da Westinghouse.

 

E tendo como premissa que toda a nossa civilização poderá estar extinta no futuro e, por conseguinte, todos os nossos idiomas igualmente perdidos, os cientistas organizadores da Cripta elaboraram um engenhoso sistema pictográfico que, através dos seus símbolos e sinais, permitirá uma compreensão do significado e das respectivas pronúncias das palavras do Idioma Inglês: - Passado (PAST); presente (PRESENT) e futuro (FUTURE).

 

Como também noções de Pessoas e indicativos: Eu (I), você (YOU); Aquilo (THAT) e Isto (THIS)

 

Até mesmo a noção de opostos: Jovem/velho (YOUNG/OLD); baixo/alto (SHORT/TALL), preto/branco (BLACK/WHITE).

 

Aqui, algumas noções de comparações: - Bom (GOD), Melhor (BETTER) e "Superior" (BEST)

 

E também alguns determinativos, os quais sugerem ações: - deitar, sentar, ficar em pé, caminhar, correr, subir, pular etc.... Além disso, as paredes da Cripta terão AFRESCOS MOSTRANDO CENAS DO DIA-A-DIA DA NOSSA CIVILIZAÇÃO! Que semelhança com as tumbas do Antigo Egito!!! Tudo se repete - pois, não é mesmo a História essencialmente cíclica?

 

Claro, pois esta é a milenar escrita hieroglífica do Antigo Egito - uma das mais inteligentes e avançadas formas de transmissão de conhecimento de toda a antigüidade. Haveria alguma semelhança nisso?

 

SIM, TUDO A VER também! E assim provando, mais uma vez, que a História sempre se repete e as suas circunstâncias são, de fato, sempre cíclicas, recorrentes - mudam apenas os personagens.... Uma vez que FOI EXATAMENTE ISSO que os Antigos Sábios Egípcios fizeram para facilitar em um distante futuro a plena compreensão da sua linguagem! Após os caracteres que especificavam e compunham a formação de uma palavra, vinha sempre um SINAL DETERMINATIVO, justamente para ilustrar o quê aquela palavra significava!!! Detalhe revelador: - Segundo a Mitologia Egípcia, aquela (ainda hoje muito avançada) forma de linguagem pictográfica fora transmitida nos primórdios da sua civilização por um misterioso "deus celestial" chamado TOTH!

 

Contudo, nesses artefatos que viajam rumo ao distante futuro, existem coisas ainda mais relevantes, como, por exemplo, a mensagem do notável e extremamente lúcido Cientista Albert Einstein, deixada para a posteridade na Cápsula do Tempo: - "Nosso tempo foi rico em mentes inventivas, em invenções que podiam facilitar as nossas vidas consideravelmente. Estamos cruzando os mares através do poder, e utilizando a força também para aliviar a humanidade do seu trabalho muscular. Aprendemos a voar e estamos aptos a mandar mensagens e notícias sem qualquer dificuldade para o mundo inteiro através de ondas elétricas. Contudo, a produção e a distribuição de mercadorias é inteiramente desorganizada e, portanto, todos devem viver sob o medo de ser eliminado pelo ciclo econômico, desse modo sofrendo através do desejo de possuir tudo. Além disso, os povos de diferentes países matam-se uns aos outros em regulares intervalos de tempo. Por isso, e também por essa razão, qualquer um que reflita sobre o futuro deve viver sob o medo e o terror. Isso é devido ao fato de que a inteligência e o caráter das massas são incomparavelmente menores do que a inteligência e o caráter dos poucos que produzem alguma coisa de valor para a comunidade. Confio que a posteridade leia esse depoimento com um sentimento de orgulho e justificada superioridade". Aliás, foi esse mesmo cientista - um dos maiores gênios que a humanidade conheceu - que certa vez respondeu, em uma ocasião anterior na qual foi perguntado se sabia quando seria a Terceira Guerra Mundial: - A Terceira Guerra Mundial não sei quando ocorrerá, mas uma coisa eu sei: na Quarta os homens combaterão com paus e pedras".

 

Nesse particular, se acaso vier a se concretizar a quase total extinção da espécie humana e das civilizações hoje conhecidas, o conteúdo da Cripta da Civilização tornar-se-á extremamente útil aos seus descobridores, pois, antes de ter a sua porta de aço definitivamente cerrada em 28 de maio de 1940, foram acrescentados aos seus milhares de ítens culturais, didáticos e científicos - representados por mais de 640 mil páginas microfilmadas - porém e muito prudentemente exceto armas e munições, outros milhares de muitos utensílios comuns ao nosso dia-a-dia, os quais poderão ser de grande utilidade àqueles que, nesse caso e eventualmente, deles vierem a necessitar. (FOTOS: Oglethorpe University)

 

Outra das muitas mensagens deixadas na Cápsula do Tempo pelas personalidades da época, esta, por sua vez, do grande escritor Thomas Mann: - "Sabemos que a idéia do futuro como a de "um mundo melhor" foi uma falácia da doutrina do progresso. As esperanças que depositamos em vocês, cidadãos do futuro, não são exageradas. Em um sentido mais amplo, vocês realmente se parecem a nós assim como nós pareceríamos àqueles que viveram mil, cinco mil anos trás. Entre vocês, também se o espírito percorrer mal e nunca percorrer bem essa Terra, o homem não irá longe. A concepção otimista do futuro é uma projeção no tempo, um empenho que não pertence ao mundo temporal, o empenho que uma parte do homem se aproxime da idéia de si mesmo, a humanização do homem. Aquilo que nós, neste ano de Nosso Senhor de 1938, entendemos pelo termo "cultura" é uma noção hoje presa a uma baixa estima por certas nações do mundo ocidental, simplesmente um empenho, e o que chamamos de Espírito também é idêntico a isso. Irmãos do futuro, uni-vos a nós em espírito e nos objetivos, recebam nossos cumprimentos". Mensagens altamente oportunas, sóbrias, intensamente relevantes....

 

.... Assim como é altamente relevante o trabalho ora desenvolvido pela própria Oglethorpe University (4484 Peachtree Road NE, Atlanta, GA 30319), mantendo a International Time Capsule Society - uma entidade destinada a preservar, registrar, fornecer instruções, e principalmente ESTIMULAR que outras organizações por todo o mundo - tanto particulares quanto governamentais, científicas e culturais - igualmente produzam as suas próprias Cápsulas do Tempo, assim preservando os registros da sua História, cultura e civilização para a posteridade.....

 

.... Pois, o Anjo de Deus já está passando - e os poucos homens ainda lúcidos assim o pressentem! Desde muito, uma certa urgência toma, de fato, as mentes mais lúcidas e racionais do mundo. Assim, e tal como as aves e outros animais ditos "inferiores" quando pressentem a tempestade, alguns homens altamente inteligentes sentem que precisam deixar alguma coisa para aqueles que nos seguirão em um futuro distante, quando talvez - nós e a nossa materialista e decaída civilização, tristemente alienada de Deus - não mais existirmos sobre a face da Terra, e quando todos os nossos vestígios tenham sido apagados! Também a Empresa Norte-americana Westinghouse se preocupou com esse particular, criando a sua segunda Cápsula do Tempo, além daquela primeira colocada em 1938, estabelecendo assim mais um registro da civilização do Século XX, porém que perdurará por 5 mil anos - devendo, ambas, somente ser aberta no distante ano 6939! Continuemos....

 

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA CONTINUAR

 

Próxima Página

Página Anterior

Victory - DOOM music