Home

NOS DOMÍNIOS DO REALISMO FANTÁSTICO

AS CRÔNICAS DE DIMENSÕES DESCONHECIDAS

"Porque tanto no Cosmo de Einstein quanto no Microcosmo infra-atômico, os aspectos insubstanciais dominam. Em ambos os casos, a matéria se dissolve em energia e a energia em configurações mutáveis de algo desconhecido"

(Arthur Koesteler)

 

Conforme já tínhamos visto em uma página anterior, todo o Brasil (em especial as crianças, como também muitos adultos que tiveram as suas infâncias alegradas por essa alma maravilhosa) lamentou a morte de Carequinha, o palhaço mais antigo, mais querido e também mais famoso do país, ocorrida em 5 de abril de 2006. E como relatamos, estranhas coisas aconteceram naquela ocasião, surgindo, porém, agora, outros impressionantes detalhes adicionais:

 

Essa foto foi tomada pela neta de Carequinha, 16 anos de idade, na residência e no quarto dele, antes da sua morte e mediante a utilização de uma câmera de um telefone celular - portanto, sem flash. A jovem falava ao telefone e sentiu a estranha presença de um "vulto" ao seu redor. Instintivamente, voltou-se e acionou a câmera. Eis então o que surgiu na imagem!.....

 

...... A qual colocamos no negativo para melhor visualização. A seta superior aponta um rosto, aparentemente de mulher, ao passo que a outra também parece mostrar uma face, ou então uma luminosidade muito forte!

 

Aos exatos dois dias antes da morte de Jorge Savalla Gomes, o popular Carequinha - aos 90 anos de idade e 85 na profissão a qual amava = a mesma neta tomou esta outra foto, na qual, e para surpresa de todos, um estranho vulto branco parecia estar ao lado dele, e até tocando o seu ombro!

 

Aqui, o negativo nos mostra esse fato surpreendente. O mais surpreendente de tudo, porém, foram as outras coisas que aconteceram nas vésperas da sua morte. Três dias antes, Jorge confidenciou a uma das suas filhas que tinha visto no seu quarto a presença de uma mulher muito bonita que lhe estendera a mão. Não teve medo; tentou tocá-la mas não conseguiu! Depois, um rapaz muito jovem surgiu e lhe acenava; e quando este jovem sumiu em pleno ar, ele ficou rodeado de "crianças" correndo em volta da sua cama! Jorge estava lúcido, como aliás sempre foi, e as fotos provam que não mentira e tampouco estava acometido de alucinações quando relatou à família esses impressionantes fatos. Hoje, a sua família se conforma, pois teve a revelação e também a mais plena certeza de que tudo isso foi simplesmente uma preparação - somente reservada para as almas iluminadas por Deus - para a sua passagem a um plano mais sublime e muito mais elevado. Carequinha morreu dormindo e em paz. E no exato dia da sua transição, antes de dormir, ele voltou a revelar que seu quarto estava cheio de "fantasmas"! (FONTE: Jornal Meia-Hora, Rio de Janeiro, edição 21 de abril de 2006)

 

Dizem que o Anjo da Morte existe. Na verdade, não se sabe nada sobre o "outro lado" dessa nossa dimensão física e material. Abril de 2006, São Paulo, Brasil. Um helicóptero que estava fretado a uma companhia de eletricidade fazia um vôo rasante para que os técnicos a bordo pudessem inspecionar linhas de transmissão urbanas. Repentinamente, alguma coisa deu errado e o aparelho se incendiou em pleno ar, para logo após colidir com um linha de força e posteriormente com o telhado de uma firma. Caindo ao solo com extrema violência explodiu em plena rua! Todos os três tripulantes a bordo tiveram morte instantânea, ficando horrivelmente carbonizados e mutilados. (FOTO: Jornal O DIA, Rio de Janeiro, Edição de 27 de abril de 2006)

 

E aqui está um impressionante detalhe ampliado da foto anterior: duas silhuetas de formato humano sobressaem em meio ao inferno das chamas que devoravam os destroços do aparelho! Lembremos que todos os três tripulantes já estavam mortos, carbonizados e horrivelmente mutilados em meio às ferragens quando essa foto foi tomada pela reportagem do Jornal, muito tempo após a queda do helicóptero!

 

E o correspondente negativo nos mostra com maiores detalhes aquelas duas silhuetas. E, TAMBÉM, logo ao lado delas - já quase na extremidade direita da imagem - uma enorme e não menos misteriosa sombra, também dotada de formato humano...... E ambas as silhuetas parecem estender as mãos para essa figura!!!

 

Tudo prova, e por outro lado comprova, que a assim chamada "morte" simplesmente não existe. Existe, sim, uma mudança de esferas; uma simples transferência de dimensões. Vivemos em um plano monodimensional de tempo, em um espaço dimensional altamente restrito e muito limitado. Mundos paralelos, dimensões paralelas que coexistem com a nossa, tudo isso, por sinal, já é uma realidade constatada pela Ciência de Vanguarda. E por vezes certas "portas" se abrem no nosso mundo e no nosso tempo! Floresta Negra, Alemanha, ano 2004. Um fotógrafo percebe estranha movimentação na atmosfera circundante. Instintivamente, vê algo etéreo e não-identificado surgir do nada, quase que perto de si. Ele, apesar de atônito, toma então a primeira foto. (FOTO: by Manfred Saier, © Paola Harris)

 

E o objeto continua a sua movimentação. Manfred toma a segunda foto. (FOTO: by Manfred Saier, © Paola Harris)

 

Já pairando sobre um arbusto, o objeto então se faz visível por alguns segundos e desaparece logo a seguir, tão rápido quanto surgira! (FOTO: by Manfred Saier, © Paola Harris)

 

Dimensões desconhecidas, inúmeras e estranhas "portas", ou portais, que se abrem no nosso mundo, conduzindo estranhas entidades e também por vezes levando seres humanos na direção de algures! Em 1928, o navio-escola dinamarquês Kobenhaven, moderno, em perfeitas condições de navegabilidade, totalmente equipado com rádios e os mais modernos sistemas de navegação, conduzia cinqüenta alunos da Marinha daquele país. Em 14 de abril daquele ano, deixou o porto de Montevidéu e simplesmente desapareceu no mar com toda a sua tripulação sem deixar quaisquer vestígios!

 

E esse lugar hoje deserto se chama Angikuni, no Norte do Canadá. Aqui existia uma grande aldeia de esquimós que em 1930 simplesmente SUMIU da noite para o dia sem deixar rastros; todos os homens, mulheres e crianças! Os seus cães, que estavam amarrados, morreram de fome. Um esquimó jamais abandona seus cães! Até mesmo os túmulos do cemitério local foram violados, inexplicavelmente também desaparecendo todos os restos mortais lá depositados. Tudo, porém, estava no seu lugar: armas, utensílios, alimentos e roupas. As casas intocadas. Até hoje a Polícia Montada do Canadá não encontrou uma explicação lógica para tão insólito desaparecimento de toda uma aldeia sem deixar quaisquer rastros, a não ser a espantosa constatação de que aquela população inteira simplesmente "sumira" no ar!

 

O que, aliás, não se trata de novidade alguma! Em novembro de 1939, durante a Segunda Guerra Sino-japonesa, um regimento chinês comandado pelo Coronel Li Fu Sien foi enviado contra as tropas japonesas em Nanquim. Repentinamente, seus rádios deixaram de transmitir e nada menos que seus 3 MIL homens sumiram sem deixar os mínimos vestígios! Os Japoneses negaram tê-los capturado e as equipes de resgate posteriormente enviadas na busca somente encontraram as armas e os seus acampamentos completamente desertos. Nunca mais se ouviu falar de qualquer um desses milhares de homens!

 

"Passaporte para Magonia", é o título desse livro de autoria do renomado pesquisador Jacques Valée, abordando fatos e tratando sobre intrigantes casos envolvendo UFOs, folclore e os mundos paralelos. Um estranho título que tem toda razão de ser: em Lyon, entre os anos 779 e 840, três homens e uma mulher alegaram terem sido seqüestrados por estranhos seres tripulantes de uma "nave aérea" e nela visitado um estranha terra a qual chamaram de Magonia. Foi, segundo declararam, uma viagem muito curta, porém aqui no nosso mundo muito mais tempo decorrera - algo que eles jamais poderiam ter inventado, uma vez que naqueles tempos "naves aéreas" não existiam, e tampouco poderiam conhecer o fundamento científico da contração do tempo nas viagens espaciais! O arcebispo local, cujo nome era Agobard, furioso com a repercussão e para abafar o caso, mandou apedrejá-los por heresia.

 

E há algumas décadas, os satélites Cosmos e Telstar da NASA subitamente deixaram de emitir seus sinais, logo após desaparecendo misteriosamente das suas órbitas terrestres. Algum tempo depois, ambos retornaram como se nada tivesse acontecido, voltando então a emitir os seus sinais. Até hoje não se encontrou qualquer explicação lógica para tão inusitado fenômeno, a não ser aquilo que um perito da própria NASA declarou: - "Tudo se passa como eles tivessem sido desmontados e montados outra vez".

 

E atualmente uma iniciativa particular da ZTECK parece que está surtindo muito mais efeito do que o caríssimo e sofisticado Projeto SETI - destinado a captar emissões de sinais originárias de civilizações extraterrestres. Utilizando um potente sistema dotado de uma antena parabólica operando na faixa de 400 MHz to 14 GHZ, os sinais captados pelos equipamentos da ZTECK são bastante reveladores e expressivos. (IMAGEM: © Zteck.com)

 

Aqui, vemos os negativos das imagens anteriores. Há padrões de transmissão bem definidos! (IMAGEM: © Zteck.com)

 

Esses misteriosos sinais nos chegam de uma região a meio caminho entre o centro e uma das bordas da nossa Via Láctea..... E claramente nos mostram rostos e figuras alienígenas! (IMAGEM: © Zteck.com)

 

Eis o negativos da imagem anterior. (IMAGEM: © Zteck.com)

 

E em todas essas imagens captadas pela ZTECK, há uma estranha recorrência de padrões, possivelmente causada por modulações de sinais, conforme mostrado acima e no seu correspondente negativo logo abaixo - tudo, pois, provando clara e incontestavelmente que se trata de sinais expedidos por uma civilização inteligente e além de tudo muito avançada. Resta saber o que significam. Contudo, logo veremos que há, aqui por baixo mesmo, muitas estranhas e muito mais palpáveis mensagens alienígenas..... (IMAGEM: © Zteck.com)

 

..... Mas, antes de passarmos para a seqüência desta página, que tal relembrarmos um estranha tecnologia presente no distante planeta Marte, precisamente no imenso rosto que fita o espaço - situado na misteriosa região de Cydonia? Essa espantosa tecnologia, evidentemente deixada por uma perdida civilização alienígena, utilizava uma estonteante maneira de colocar "imagens dentro de imagens" como, aliás, se pode notar nas fotos acima. Veremos, então, que existem coisas muito, muito semelhantes; notavelmente semelhantes.....

 

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA VER MAIS FOTOS

Próxima Página

Página Anterior

DOOM2 music