Home

NOS DOMÍNIOS DO REALISMO FANTÁSTICO

MIL PALAVRAS EM ALGUMAS POUCAS IMAGENS

"Compreendo, agora, o que você quer dizer, quando diz que "um quadro vale mais do que mil palavras"

(Lobsang Rampa - Entre os Monges do Tibet)

 

Sim, há imagens bem eloqüentes que valem por mais de mil palavras. Outra sutileza presente no misterioso solo marciano: o robô teleprogramado Rover, da NASA, fotografou esse estranho detalhe que bem poderia ter se tratado de uma antiga estátua (bem ao estilo egípcio", por sinal)...... Como também poderia ser um SARCÓFAGO PETRIFICADO!!! Mas porque exatamente suspeitamos que poderia ter se tratado de um sarcófago fossilizado?

 

Simplesmente PORQUE, além de já termos vistos nas nossas páginas anteriores alguns outros cadáveres alienígenas fossilizados no solo de Marte, o Rover também fotografou mais um deles!

 

Comprove no correspondente negativo. Ao que parece, era mesmo uma antiga sepultura, tanto que foi devidamente demarcada pela pesada rocha que aparece em primeiro plano!

 

E note-se também que, apesar de fossilizada, a ampliação dos detalhes do rosto da criatura alienígena parece ter sido carbonizada, possivelmente devido a uma acidente com a sua nave. O volume também fossilizado sobre o seu peito parece ter sido uma das suas mãos!

 

Todavia, não necessitamos ir tão longe para, de vez em quando, descobrirmos cadáveres fossilizados de certas criaturas totalmente divergentes dos tradicionais padrões humanos. A nossa Terra também esconde bastante exemplares! Acima, você vê o crânio fossilizado de um ser alienígena encontrado em uma escavação à procura de ouro nos EUA, precisamente em Bakersfield, Califórnia. Segundo se sabe, o local teria sido objeto de um acidente com um UFO, ali ocorrido há muitos milênios. Evidentemente que o fato, como aliás sempre acontece, foi imediatamente abafado e essas fotos somente foram divulgadas graças a um informante anônimo.

 

Aqui, outro detalhe do crânio da criatura humanóide. Aparentemente, o local foi usado para uma sepultura coletiva, uma vez que INÚMEROS outros restos fossilizados dessas criaturas foram igualmente lá encontrados!

 

E embrulhado em um antigo exemplar do Jornal Daily Mirror, precisamente datado do distante ano de 1947 (o mesmo ano, aliás, do acidente com o UFO em Roswell), foi recentemente encontrado nas proximidades de uma base militar norte-americana um receptáculo preenchido com um líquido preservativo e, no seu interior, nada menos que um bebê (ou possivelmente um feto?) alienígena!

 

Nessa outra foto, podemos ver em maior aproximação o rosto e as mãos do pequeno alienígena da tipologia gray. Logicamente, quando a notícia se espalhou, quiseram desmoralizar o achado, oficialmente alegando se tratar de uma "fraude". Um porta-voz da Força Aérea Americana (USAF) baseado no próprio Pentágono (!), negou qualquer conexão do achado com alguma base militar, alegando que se tratava de um um simples modelo ou "display". E por que exatamente o caso teria obtido tanta repercussão assim e ido parado no Pentágono, se teria sido apenas "uma fraude"?

 

E em um dos pés da criatura havia até mesmo uma numeração de identificação, provando assim que, de fato, ela teria sido trazida (ou quem sabe furtada) de algum laboratório oficial de pesquisas! A USAF, por sua vez - muito ambígua e sutilmente como sempre - oficialmente declarou (grifos nossos): - "Essa numeração nos pés pode ser a representação daqueles que o fizeram, um número de aquisição de um museu ou laboratório, ou então, PODE SIGNIFICAR QUE SEJA PARA PARECER PROPRIEDADE DO GOVERNO".

 

Em 1971, o arqueólogo Lin Ottinger encontrou, profundamente encravados em um rocha, os restos fossilizados de uma estranha criatura aparentemente humana(?). O estranho achado se deu em uma mina de cobre situada em Lisbon Valley, próxima à localidade de Moab, em Utah, EUA. O mais curioso de tudo é que a idade desse sítio foi avaliada em 100 MILHÕES DE ANOS...... Uma época em que teoricamente o Homo Sapiens ainda não vivia sobre a face da Terra. Quem teria sido então essa estranha criatura? (FOTO: Universidade de Utah)

 

Outro corpo fossilizado de uma bizarra criatura, encontrado em local não revelado. Há muitos milênios atrás, a Terra foi realmente visitada por muitas raças desconhecidas. E SE essas raças desconhecidas obviamente não eram daqui, muito logicamente - e isso sem a menor dúvida - vieram..... "DE FORA"!

 

Porém, coisas bastante estranhas, tanto ontem quanto AINDA HOJE, circulam pelo nosso mundo. Na impressionante foto acima, a qual será sempre bom relembrar, vemos o cadáver de uma criatura humanóide, também resgatado em um local não revelado! Possivelmente deva se tratar de um ser híbrido, resultante da miscigenação de alienígenas com mulheres terrestres, um fruto das sinistras experiências genéticas perpetradas pelos famigerados humanóides grays. Um detalhe bem sutil: O saco preto que o envolve é somente usado em operações militares de resgate de corpos.

 

Restos alienígenas? Nada demais nisso! Por sua vez, as constantes descobertas de estranhos crânios, totalmente divergentes dos padrões terrestres, atestam inequivocamente que este nosso pequeno planeta tem sido desde muito visitado por criaturas alienígenas desconhecidas - e de várias tipologias. Os exemplares acima foram encontrados no planalto de Nazca, Peru - precisamente onde gigantescos geoglifos se voltam para o céu representando estranhas figuras geométricas e curiosos animais!

 

Nessa imagem, uma múmia também encontrada em Nazca. O enorme volume do crânio e a reduzida estatura a diferenciam de todas as demais. De onde, então, teria vindo isso?

 

Há mesmo diversas e estranhas "marcas" dessas inusitadas visitas por todos os lados do planeta. Na aprazível região de Lumiar, distrito de Friburgo, Município do Rio de Janeiro, existe um curioso monumento rochoso denominado "Pedra Riscada" (foto). Na verdade, a pedra não é "riscada", mas, sim, coberta de misteriosos sinais e de muitos caracteres alfabéticos desconhecidos, como também.....

 

...... É em muito semelhante à Pedra da Gávea, esta por sua vez já no distante litoral da Cidade do Rio de Janeiro! Tal como nela, a Pedra Riscada igualmente nos apresenta os contornos de uma imensa e muito curiosa face rochosa...... (FOTO: Eduardo Paquet)

 

..... E quando rotacionada, a imagem do estranho rosto de pedra nos mostra uma face meio simiesca, quase idêntica àquela situada a centenas de quilômetros dali bem no topo da misteriosa Pedra da Gávea!

 

...... E existem também mais alguns intrigantes mistérios na Pedra Riscada, onde, já nas proximidades do seu topo, podemos encontrar um outro bizarro rosto de pedra!..... (FOTO: Eduardo Paquet)

 

..... Aqui melhor visualizado quando rotacionamos a imagem! O olho, a boca, tudo é muito perfeito. Lumiar é uma área essencialmente isolada e turística da qual emanam estranhas energias e uma espécie de magnetismo muito poderosos. É uma região muito visitada pelos excursionistas e pesquisadores - inclusive pelo fato de que lá são muito freqüentes as aparições dos UFOs!

 

Há, de fato, intrigantes enigmas rochosos na região serrana do Estado do Rio de Janeiro. Em Teresópolis, vemos, acima, uma outra imagem de uma montanha muito famosa, não sem uma justa razão chamada de "A Mulher de Pedra"! Uma perfeição de arrepiar, provando mais uma vez que tudo isso jamais poderia se tratar de um mero acaso. E - muito principalmente - que houve um propósito deliberado de moldar essas montanhas. Mas QUEM as teria moldado há talvez milhões de anos atrás? E mediante exatamente QUAL TIPO DE TECNOLOGIA?

 

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA VER MAIS FOTOS

 

Próxima Página

Página Anterior

Stalker (Lee Jackson)