Home

NOS DOMÍNIOS DO REALISMO FANTÁSTICO

ALUCINANTE CALEIDOSCÓPIO!

"Muitos milhares de anos antes, houve uma alta civilização neste mundo. Os homens podiam voar no ar, com máquinas que desafiavam a gravidade. Conseguiram fazer máquinas que imprimiam pensamentos no espírito dos outros.... Pensamentos que se apresentariam como imagens. Dispunham da fissão nuclear, e finalmente detonaram uma bomba que só faltou arruinar o mundo, fazendo com que continentes mergulhassem nos oceanos e outros surgissem à tona. O mundo foi dizimado e assim, por meio das religiões dessa terra, temos a história do Dilúvio"

(Lobsanga Rampa)

 

Esta foto certamente você já viu em uma página anterior deste Site, porém não custa nada recordar. Ela nos mostra o imponente complexo de Palenque, México, atribuído à civilização Maia - mas, na verdade, muito possivelmente mais antigo do que ela. E foi exatamente neste imponente e maravilhosos conjunto arquitetônico que se deu uma das mais estranhas e sobretudo insólitas descobertas arqueológicas:

 

Pois, justamente no interior desta colossal pirâmide de Palenque, foi encontrada uma estranha tumba, contendo no seu interior a múmia de um ser humano gigantesco e toda revestida de placas do mais precioso jade.....

 

E a sua lousa sepulcral, repleta de um simbolismo até hoje não decifrado, revela a claríssima imagem de um personagem desconhecido e muito importante (obviamente a quem pertencia a tal múmia) no comando de uma máquina voadora, a qual mais lembra um foguete - ou uma aeronave - a reação! Coisa extemporânea e absolutamente inexistente no tempo dos Maias!

 

Esta seria a foto da tal múmia de Palenque, revestida do mais puro jade e oficialmente atribuída a um "soberano maia" cujo nome seria Pakal. E como esses coisas costumam mesmo "sumir", não são conhecidos os registros relativos ao seu exame, anatômico, como também não se sabe qual teria sido o destino dela - muito possivelmente em razão do seu caráter absolutamente insólito. E isso não só devido ao seu tamanho fora do comum, como também......

 

Pela estranha máscara mortuária, também intrincadamente elaborada em placas de jade, que a guarnecia! E quem descobriu um estonteante fenômeno a ela relacionado foi o cientista Maurice Cotterell, o qual examinando-a mais detidamente efetuou uma série de transparências tridimensionais, descobrindo coisas além da imaginação mais ousada. Olhe-a com bastante atenção. O quê consegue ver nela.... E principalmente DENTRO DELA?

 

Acertou em cheio! Dentro do rosto principal, uma inexplicável multiplicidade de outros! E todos eles extremamente bizarros!

 

Reveja na seqüência: aqui tem um deles. Na verdade, DOIS deles......

 

Aqui está o segundo e, logo abaixo dele, um terceiro em menor escala!......

 

..... Logo seguido pelo quarto!

 

Perplexo, Maurice Cotterrel foi ainda mais longe, utilizando técnicas computadorizadas para dividir, por assim dizer, as insólitas imagens que tinha diante dos olhos. E eis o que obteve: dentro de todas, isto é, das imagens externas, havia muito mais coisas escondidas! Veja, por exemplo, bem ao centro: um curioso ídolo, ou divindade, e ainda uma outra bizarra face!

 

Porém, não era somente isso: TINHA MAIS! Veja na parte superior um outro rosto, contendo, dentro de si e logo abaixo, bem na região do "nariz", a imagem de uma divindade aparentemente feminina. No rosto inferior, note-se também na sua mesma área do "nariz".... A CLARA IMAGEM DE UM ALIENíGENA HUMANÓIDE, ou "gray"! Abaixo dele, um símbolo triangular! Absolutamente geométricos, todos esses simbolismos, bem como as desconhecidas técnicas que foram empregadas para sensibilizar e assim "gravar" a memória atômica e molecular do jade, NÃO SÃO COISA DESTE MUNDO! E é sempre bom lembrar que ainda hoje, em pleno século XXI, não dispomos de tecnologia suficiente para isso!

 

E não são mesmo muito sutis essas imagens? E como teria sido feito isso? E quanto mais se olha, mais se descobre - tal como um alucinante caleidoscópio! Os cientistas que as estudam, obviamente em sigilo, ainda não encontraram qualquer explicação lógica para esse inusitado fenômeno, ou, melhor dizendo, TECNOLOGIA!!!..... "Conseguiram fazer máquinas que imprimiam pensamentos no espírito dos outros.... Pensamentos que se apresentariam como imagens" ???

 

Pudera! Veja a parte superior da tal máscara mortuária de Pakal, que por sinal era considerado um "deus". Consegue ver algo familiar?

 

Claro que SIM! Reveja através de um outro ângulo: logo abaixo de um nítido SÍMBOLO ALADO, a clara representação de UMA ESPAÇONAVE! Aliás, não foi à toa que a sua lousa sepulcral demonstrava Pakal, ou seja lá qual tenha sido o seu verdadeiro nome, pilotando uma aeronave a reação, ou quem sabe um foguete!!!

 

Reveja, o tal escudo, ou símbolo, e a espaçonave em maior aproximação e tire então as suas próprias conclusões. Mas, Você, Prezado Visitante, tem mesmo uma boa memória? E se tem acompanhado todas as páginas deste Site, procure lembrar exatamente ONDE viu técnicas tão IDÊNTICAS e sofisticadas assim de superposição, ou intraposição, de figuras e símbolismos - ou seja, "imagens tridimensionais, escondidas dentro de outras imagens" . Lembrou?

 

Exatamente! No solo do distante PLANETA MARTE! Como por exemplo, e como aliás já vimos, no colossal e enigmático rosto de Cydonia......

 

...... Como também nesta outra região, cujos detalhes foram amplamente mostrados e discutidos na nossa página anterior!

 

Sim, já não existem quaisquer dúvidas! Antigos Astronautas estiveram MESMO aqui no nosso planeta em tempos muito distantes e esquecidos. E as provas disso, EXISTEM, não mais podendo, portanto, ser comodamente negadas. Estão espalhadas pelos quatro cantos do mundo! A legenda que acompanha a foto acima, um exemplo típico, diz tudo!

 

E essas provas já começam a chamar a atenção dos cientistas mais lúcidos e abertos à verdade, os quais já estão enxergando com os necessários olhos do Terceiro Milênio as mais fantásticas revelações que se lhes apresentam - e da mesma forma começando a desvendar os segredos contidos em certos artefatos arqueológicos centenários (e muitos por sua vez milenários), que durante muito tempo estavam solitários e esquecidos, jogados de qualquer maneira nas prateleiras e nos soturnos porões dos museus de toda a Terra! As comparações deles com a moderna Astronáutica resultam verdadeiramente surpreendentes: como, por exemplo, no caso acima mostrado relativo a uma aeronave do passado, originária da América do Sul e também elaborada em jade!

 

Há, de fato, as mais indeléveis marcas por todas as partes! O homem primitivo, isto é, a antiga e ainda incipiente humanidade terrestre, assistiu a chegada e muito possivelmente a colonização do nosso planeta por seres tecnologicamente evoluídos, advindos de outros corpos celestes, muitos dos quais os quais certamente foram adorados como "deuses"! E muitos dos quais certamente propiciaram com a sua orientação e os seus conhecimentos a evolução do homem e da própria civilização terrestre.

 

E mesmo nos lugares mais distantes e isolados, como por exemplo no arquipélago de Cabo verde, situado nas proximidades da costa africana, há os sinais, as marcas que denotam o emprego dessa fantástica tecnologia que decididamente não era - e ainda hoje não poderia ser - originária deste mundo:

 

Rostos colossais, moldados em montanhas inteiras, voltam-se para o espaço sideral.... Tal como em Marte! Este é o famosos "Monte Cara", numa alusão a este perfeito rosto, situado em uma das ilhas daquele arquipélago, precisamente a ilha de São Vicente! E, detalhe curioso, quando a Lua se eleva por detrás dessa montanha forma-se na rocha a enorme silhueta de um LEÃO - outra imagem e um outro simbolismo, tal como os rostos de pedra, ambos sempre presentes em MARTE! E este rosto de pedra não é o único. Por todos os quadrantes do nosso mundo existem inúmeros outros (aliás, já mostramos vários deles neste Site). E até mesmo cadeias inteiras de montanhas, moldadas sob essa forma, como também na forma de "homens, ou gigantes, deitados"! Que forças fantásticas fizeram tudo isso? E com qual tecnologia? E para quê? Que espécie de mensagem, ou mais exatamente mensagens veladas, tudo isso nos transmitiria?

 

Assim, o cerco em busca da verdade se fecha cada vez mais. E talvez a prova definitiva quanto à presença e a antiga colonização alienígena sejam as pirâmides - outra "marca registrada" , por assim dizer, da paisagem MARCIANA - Não somente no misterioso Egito, mas igualmente espalhadas por todo o nosso planeta. E, por sinal, situadas mesmo naqueles lugares mais impensáveis. Esta da foto, por exemplo, sabe onde fica? Muito embora pouco conhecida e divulgada, vejam só, está situada no NOVO MÉXICO, Território dos EUA! Não é mesmo surpreendente?

 

Porém, muito surpreendente mesmo será aquilo que brevemente virá à luz no interior dessa selvagem, bela e felizmente ainda intocada paisagem que você vê na foto! Sabe onde fica? Precisamente aqui mesmo no Brasil, no Parque Estadual da Serra do Mar - entre os Estados de São Paulo, neste caso estende-se ao longo da Serra Mar desde o Município de Cunha, a nordeste, até o de Toledo, a sudeste do Estado de São Paulo; e o Estado do Rio de Janeiro, já no seu prolongamento em direção ao Parque da Bocaina - Região Sudeste do Brasil. Imensa área de preservação ambiental da fauna, da mata atlântica e das demais riquezas florestais brasileiras, essa região guarda verdadeiramente os seus espantosos segredos. (Foto: Divulgação). O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) - repararam a sutileza de PESQUISAS ESPACIAIS? - atualmente está empenhado em estudar uma antiqüíssima PIRÂMIDE (isto mesmo: PIRÂMIDE!), ali descoberta, precisamente em uma localidade denominada Natividade da Serra! O geólogo Paulo Roberto Martini chegou à conclusão que esse trabalho, todo em granito, foi feito pelas mãos de seres inteligentes, e declarou - "Ainda é cedo para afirmar algo de concreto, mas estamos diante de uma construção feita por uma civilização primitiva avançada". Trata-se de pedras imensas, trabalhadas, cortadas e empilhadas até o topo, tal como em Gizé, no Egito! Esse monumento, que por sinal classificam de "a primeira pirâmide do Brasil" (no que descordamos, pois já mostramos algumas outras neste nosso Site), além de se constituir em um verdadeiro quebra-cabeças arqueológico, coloca em suspeição tudo aquilo que se conhece sobre a ocupação do território brasileiro no período que antecede ao seu "descobrimento" - oficialmente no ano 1500 pelos navegadores portugueses. E, diga-se de passagem, os antigos silvícolas aqui encontrados JAMAIS se utilizaram das técnicas de lavratura de pedras - aliás, sequer possuíam ferramentas para tanto!

 

Na foto, vemos alguns fragmentos do granito trabalhado da tal pirâmide. Apesar de já desgastado pelas idades sem conta, o monumento ainda impressiona pelos seus enormes degraus e também pelas suas largas paredes, muitas delas já soterradas pela erosão! As lages de granito, quase sempre retangulares, alcançam por vezes 2 metros de comprimento por 0,70 metro de espessura, chegando à altura de 1 metro - portanto enormes! E até mesmo parece que essa pirâmide, tal como as demais espalhadas pelo mundo, é dotada de uma câmara, uma vez que as batidas de um vergalhão em alguns pontos da sua estrutura, verdadeiramente ressoam! E além do mais, segundo concluíram os pesquisadores, o tipo de entalhe das pedras (no qual, aliás, foram empregadas técnicas desconhecidas no antigo território brasileiro) é muito semelhante ao utilizado pelas CIVILIZAÇÕES PRÉ-INCAICAS, que por sua vez habitaram os Andes, as quais teriam elaborado um caminho entre os Andes e a Costa Atlântica, chegando em profundidade ao atual território brasileiro! Chocante? Sim! E para adensar ainda mais o intrigante enigma, sabe-se que que essa pirâmide não está sozinha, uma vez que na MESMA REGIÃO EXISTEM OUTRAS ANTIGAS RUÍNAS, obras dessa perdida civilização - bem no interior da mata fechada, situadas por sua vez em locais ainda inacessíveis e portanto inexplorados! Paulo Martini, cientista, geólogo, que também é especialista em Sensoriamento Remoto (técnica que produz imagens da superfície do planeta a partir de tomadas por satélites), descobriu espantosas semelhanças na formação de Natividade da Serra com outras construções de CULTURAS PRIMITIVAS AVANÇADAS, que habitaram o continente americano: -"Os monumentos de sinalização do Novo México são muito parecidos com esse encontrado aqui". Ou seja, isso significa que, vista do espaço, essa região, tal como em Nazca e outro sítios misteriosos deste planeta, TAMBÉM apresenta certos sinais e símbolos dirigidos aos céus! Foto: Jornal GAZETA DO POVO, edição 29/02/2004. Porém, as fotografias oficiais e que mostram a espantosa totalidade desse insólito monumento ainda não foram devidamente publicadas, achando-se atualmente em poder dos órgãos oficiais e de pesquisas. Esperamos, então, que sejam logo divulgadas! E por que não fazê-lo de imediato, antes que certas forças muito poderosas, obscuras e no entanto sempre atuantes, possam vir a impedir?

 

Próxima Página

Página Anterior

DESCENT