Home

NOS DOMÍNIOS DO REALISMO FANTÁSTICO

CLAMOROSAMENTE LÓGICO

"Eu vi a antiga terra, e eis que estava deserta e vazia; e olhei para os céus, e sua luz não existia mais. Vi os montes, e eis que tremiam, e os próprios morros estavam todos sendo sacudidos. Vi, e eis que não havia homem, e que as próprias criaturas voadoras dos céus tinham todas fugido. Vi, e eis que o próprio pomar era um ermo, e suas próprias cidades tinham todas sido destruídas"

(Jeremias - Cap. 4, Vs. 23/26)

 

Acaba de ser descoberto no espaço sideral o maior diamante jamais visto pelo homem! Uma estrela-anã branca, localizada na constelação de Centauro, oficialmente batizada pelos astrônomos do Centro de Astrofísica Harvard - Smithsonian como EPM 37093, revelou que todo o seu imenso núcleo nada mais é do que a maior de todas as pedras preciosas conhecidas, contendo 3 mil quilômetros de extensão do mais puro carbono cristalizado - em outras palavras, um diamante bruto! Esta jóia verdadeiramente maravilhosa se esconde por detrás de uma camada de gases, composta por Hidrogênio e Hélio. E esse colossal diamante ocupa nada menos que cerca de 90 por cento da sua massa estelar! E para que se possa avaliar os quilates dessa verdadeiro prodígio, pode-se dizer que se trata de um número estupendamente incalculável - representado por 1 seguido de 34 zeros! E isso vem a confirmar uma antiga teoria de que os núcleos de todas as estrelas-anãs, quando resfriados, são, idêntica e da mesma forma, compostos pelos maiores diamantes de todos os tempos - muitos deles talvez infinitamente maiores do que este! Deus é verdadeiramente muito Sábio e Justo, colocando tudo isso longe das mãos dos ambiciosos e dos nossos insanos déspotas e tiranos. Mas o espaço sideral verdadeiramente guarda inúmeros dos seus segredos e mistérios, muito deles intimamente a NÓS relacionados. E, como NADA está dissociado do TODO neste maravilhoso Universo que nos cerca, é sempre bom que vejamos algumas outras novidades bastante recentes:

 

Aqui, por exemplo, vemos uma recente foto tomada na órbita marciana, mostrando o que parece ser a existência de um imenso lago, ou quem sabe os restos ainda líquidos de um antigo oceano! Já está definitivamente provado - e, portanto, não mais pode ser escondido: HÁ, DE FATO, ÁGUA EM MARTE. E talvez muito mais do que se especulava!

 

E esta nos mostra este inegável leito seco de um rio! Uma grande catástrofe destruiu o planeta há milhões de anos, mas os vestígios da VIDA verdadeiramente ainda se acham espalhados por todos os quadrantes da sua avermelhada superfície!

 

E aqui, onde aparecem os restos dos antigos continentes marcianos, podemos notar, logo acima e à direita, a existência de água em estado líquido.....

 

...... Água, o elemento mágico e maravilhoso, uma dádiva que - logicamente e aonde quer que se situe - significa, é sinônimo de VIDA! E que, portanto, ainda deve sustentar resquícios dos antigos habitantes da fauna marciana. Essa bizarra imagem nos mostra uma espécie de caranguejo quando se movimentava nas proximidades do módulo Opportunity da NASA, recentemente pousado no solo daquele planeta! Deveras embaraçoso, não? A NASA, contudo e quando questionada, afirmou ser "apenas um pedaço do módulo que se desprendeu". Mas.... Desde quando "pedaços de módulos que se desprendem" têm garras e ainda por cima se movimentam? Nas fotos obtidas logo a seguir, o tal "pedaço de módulo" rapidamente saiu de cena e logicamente.... Deve ter ido para a sua toca!

 

O solo, e também o subsolo, de Marte guardam, de fato, muitos e muitos segredos. Além das belas pedras azuis vistas nessa recente imagem, aquilo que está logo à direita não parece ser os restos mortais de uma bizarra criatura bípede?

 

Sem dúvida alguma, em épocas distantes e esquecidas, Marte foi exuberante em matéria de vida. Aqui, uma nítida imagem marciana mostrando pirâmides em fileiras, tendo ao fundo uma outra dotada de colossais dimensões! Extremamente claros, e além de tudo óbvios sinais de que seres inteligentes viveram por aqui em tempos muito recuados.

 

Aqui, podemos ver nitidamente uma outra grande concentração de pirâmides, ou possivelmente as marcas de velhíssimas ruínas, observando-se, bem ao fundo e à esquerda, os prováveis restos de uma grande cidade!

 

E veja, bem na direção do ápice de uma dessas enormes pirâmides, uma curiosa estrutura que decididamente não se trata de um fenômeno natural! Aliás, é mesmo chamada de "TEMPLO"!

 

E por falar em "TEMPLO", veja entre os geleiras (parte branca) esta foto espectrográfica, tomada no Pólo Sul de Marte e com o seu negativo à direita, mostrando um estilo arquitetural incrivelmente semelhante ao empregado nos templos do Antigo Egito! Tão óbvio que dispensa maiores comentários!

 

Estruturas artificiais, evidentemente antigas obras de uma extinta civilização altamente evoluída - e portanto inteligente - é algo que não falta em Marte!

 

E somente não enxergam isso aqueles que não querem ver. Nesta imagem, outro enorme complexo de edificações!

 

Como também, outro grande complexo de velhas ruínas pode ser visto aqui nesta foto!

 

Sim, há inúmeras surpresas no distante planeta Marte. Veja, por exemplo, essa outra curiosa "formação rochosa"! Inegavelmente, muito embora já bastante desgastado, temos aqui o colossal rosto de uma criatura leonina.... E que até mesmo ostenta uma espécie de peitoral, ou colar, bem nítido na sua parte inferior!

 

E aqui, em outra região bem afastada, novamente a imensa figura de um leão, ou mais precisamente uma leoa! E você, concordaria conosco que tudo isso não pode, de maneira alguma, se tratar de meras obras do acaso?

 

A ilustração acima nos mostra os detalhes daquele insólito monumento marciano. Mas seria mesmo tão insólito assim? E porque não, de maneira diferente e muito mais apropriadamente, classificá-lo como..... BASTANTE REVELADOR?

 

Uma vez que tudo isso forçosamente nos remeterá ao velho Egito, onde o leão era considerado altamente sagrado, sendo reverenciado através de um bem elaborado e velado simbolismo. E nesse particular, somos forçados a concordar que qualquer semelhança jamais terá sido mesmo mera coincidência!

 

E a contraparte feminina do leão era, no mesmo Panteão Egípcio, representada pela deusa-leoa SEKHMET - talvez muito apropriadamente associada ao planeta MARTE, ao sangue, às guerras e às destruições! Note-se o simbolismo planetário que ostenta à cabeça.

 

Da mesma forma que a misteriosa deusa-leoa TEFNUT!

 

Monumentos gigantescos, representando bizarros rostos voltados para o espaço, também são partes integrantes da desolada porém insólita paisagem marciana. Veja um deles à direita.....

 

..... Aqui, em maior aproximação. Como sempre a mesma espantosa identidade com o Antigo Egito. Esse misterioso personagem marciano até mesmo utiliza a barba ornamental que mais tarde viria a ser adotada pelos faraós do Nilo! O intrigante mistério começa a resultar bastante evidente - e, assim sendo, pouco a pouco se tornará desvendado.

 

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA VER MAIS FOTOS

 

Próxima Página

Página Anterior

Age of Empires