Home

NOS DOMÍNIOS DO REALISMO FANTÁSTICO

HIPóTESES EM DISCUSSÃO

"As pessoas começam por negar uma coisa; depois afirmarão que ela não tem importância nenhuma; para terminar, proclamarão que todo mundo sabia disso, há muito tempo"

(Humboldt)

 

Estas duas imagens nos mostram um símbolo místico e muito antigo, a estrela de Cinco Pontas, ou Pentagrama. Haveria alguma diferença entre as duas imagens? Sim, uma enorme diferença! A primeira, à esquerda, é um sinal sagrado e símbolo de Luz. Representa a Quintessência, a vitória da alma e do Espírito sobre a matéria - enfim, a evolução espiritual e moral do homem. Note-se que a sua ponta está voltada para cima, indicando o firmamento, a eterna busca de Deus pela criatura humana. A outra imagem, uma perversão, tem as duas pontas voltadas para o alto, estando portanto invertida e direcionada à terra, dessa forma em caráter eminentemente negativo. Torna-se, portanto, um símbolo truncado, de involução e trevas - muito utilizado aliás pelos adeptos da magia negra e da feitiçaria.

 

A Cruz, outro sagrado e muito antigo símbolo, já era reverenciada pelas mais antigas civilizações perdidas e essencialmente simboliza a imagem da própria criatura humana quando pela primeira vez abriu os braços em adoração à Divindade Suprema, representada pelo seu Maravilhoso Duplo e Doador da Vida - o nosso Sol. A imagem que você vê à direita é também invertida, uma blasfêmia - um escárnio, a própria e pavorosa negação de Cristo - igualmente muito utilizada pelos praticantes da magia negra e pelos satanistas, precisamente os adoradores e emissários da abominável divindade negativa e malévola, o "senhor das trevas".

 

Agora observe bem essas imagens, tomadas em ocasiões diferentes pelas Agências de Notícias. João Paulo II, talvez o mais lúcido e o maior de todos os Papas que a Igreja Católica conheceu, sobressai pelo seu maravilhoso e sobretudo corajoso trabalho em busca da paz, não hesitando em enfrentar governos e governantes déspotas e megalomaníacos, autênticos anticristos e também emissários das trevas, que desejam transformar o nosso sofrido mundo, já tão assolado pela miséria, pela fome e pela violência, em um campo de batalha fratricida que infelizmente poderá ser o último da nossa trágica e tresloucada História. Já combalido pela idade e pela doença crônica, João Paulo II talvez não perceba bem o que está acontecendo por trás de si.

 

"O Papa visita o lugar sagrado do Sermão da Montanha", diz a legenda da CNN. Lá no fundo, a cruz invertida, a blásfema negação daquele que foi O Maior deTodos os Mestres, é um sinal do apocalipse e também a marca do anticristo, pesando como uma sombra agourenta e maldita por sobre toda a humanidade e o representante maior da sua própria fé. O anticristo, de fato, já está Terra, infiltrado por meio do seus insidiosos agentes nas religiões, nos governos e até mesmo nas Ordens Esotéricas e Iniciáticas, onde eles - os materialistas e os profanadores das Sagradas Tradições - tentam extinguir os últimos focos de Luz que ainda lutam para sobreviver neste pequeno e tão devastado planeta!

 

E novamente voltam a surgir novidades sobre a chamada teoria da "Terra Oca"! Nessa seqüência de fotos obtidas pela própria NASA, vemos, primeiramente, a misteriosa abertura situada no Pólo Norte do nosso planeta! Até pode ser que a Terra não seja mesmo oca, mas que existe qualquer coisa por aqueles lado, lá isso existe - uma base secreta de OVNI, por exemplo? Tudo parece indicar que SIM, pois eles são constantemente avistados ou detectados por aquelas longínquas e desoladas paragens. Aliás, uma das caracteríscas mais curiosas e marcantes dos UFOs é que eles sempre se aproximam exatamente vindo do Norte!

 

E também no Pólo Sul existe uma outra imensa abertura - ambas aqui vistas nessas tomadas fotográficas. O fenômeno é realmente tão estranho que de uma certa época para cá tem chamado a atenção dos cientistas de todo o mundo e até mesmo a própria NASA vem insistindo bastante nas pesquisas dessas curiosas regiões.

 

O detalhe mais impressionante é que em certas ocasiões manifestam-se estranhas "auroras polares", dotadas de enormes dimensões e aqui vistas exatamente por sobre as tais estranhas aberturas.

 

Nessa foto uma outra tomada de um módulo da NASA, o qual conseguiu obter um "close" dessa curiosa e intensa liminescência esverdeada.

 

E recentemente, outubro de 2002, os jornais publicaram este pequena notícia que dá conta sobre a descoberta de uma estranha (e esta palavra não é nossa, mas sim dos cientistas) região no centro do nosso planeta, ostentando o enorme diâmetro de 580 quilômetros - o que de certa forma poderia validar a chamada Teoria da Terra Oca! Muito mais estranhamente, esses tipos de notícias (revolucionárias e por sinal importantes em demasia para um novo conhecimento humano) não têm continuidade. Surgem em pequenas notas e depois não se fala mais nisso. POR QUE SERÁ? (Fonte: Jornal O DIA, Rio de Janeiro)

 

E aqui uma outra surpresa: Ganymede, ou Ganimedes, um dos satélites do planeta Júpiter, aqui visto em uma foto espectográfica, comprovadamente possui uma atmosfera e até mesmo os seus enormes e bem delimitados continentes, por sinal bastante semelhantes aos da Terra! E tal como essa imagem nos sugere, muito possivelmente o espaço entre eles seja preenchido por oceanos, quem sabe habitados pelas mais estranhas criaturas! Note-se no seu Pólo Norte também uma outra estranha abertura.

 

Aliás, uma das coisas que sempre têm intrigado a NASA são os misteriosos MASCONS LUNARES (Abreviatura de Mass Concentrations), grandes superfícies cujas densidades são suficientemente mais fortes do que as zonas circunvizinhas e que por sinal provocavam anomalias inexplicáveis nas trajetórias dos módulos de exploração daquele órgão espacial! Na foto vemos três deles assinalados (no total são cinco, espalhados pela supérfície lunar). Curiosamente, esses Mascons estão situados nos chamados "Mares", mas apenas e tão-somente naqueles que têm os formatos esféricos! Os módulos da NASA espantosamente se desaceleravam quando os sobrevoavam e até adquiriam trajetórias erráticas, muito difíceis de serem controladas. Pode até ser que se trate um fenômeno eletromagnético, porém um deles, muito especial, não tem essa singular característica: é um chamado MASCON NEGATIVO, dotado de matéria muito menos densa do que o restante da Lua e que foi objeto de severos estudos por parte dos cientistas, os quais chegaram à pouco divulgada conclusão que poderia se tratar de uma abertura muito bem camuflada - um verdadeiro e bastante engenhoso "buraco secreto", dentro do qual, quem sabe, existiria uma verdadeira base, uma cidade ou fortificação, alienígena!!!

 

Passemos agora os mistérios da Arqueologia Insólita. O que você vê acima é apenas uma montagem, produzida especialmente para a propaganda de uma marca de café e foi elaborada por publicitários através de alguns retoques e da inversão de uma foto das montanhas que guarnecem a enigmática e muito antiga cidadela de Machu Picchu, no Peru......

 

..... Precisamente essas duas formações montanhosas, mostradas nessa outra foto. Mas.....

 

.... Quem elaborou essa propaganda, talvez sem o querer, descobriu mesmo algo bastante curioso. Da mesma forma, ao invertermos a posição da foto anterior, teremos, dessa feita sem qualquer tipo de montagem ou retoques, a impressionante imagem do perfil de um rosto! Caprichos da Natureza? Pode ser que sim, como também pode ser que não!

 

Rostos estranhos, bem como os seus respectivos donos não menos estranhos, estiveram, sem qualquer dúvida, aqui pelo nosso planeta, estabelecendo-se através de civilizações desconhecidas das quais muito pouca coisa, ou na verdade quase nada, sabemos. Um outro expressivo disso são os sumerianos, ou sumérios, considerados a raça mais antiga da Terra e da qual a própria Arqueologia reconhece que não sabe de onde precisamente veio, ou como desapareceu. Sua existência foi incialmente suposta por deduções científicas, baseadas apenas em indícios, até que finalmente veio a ser definitivamente comprovada. Porém o mistério perdura. Não eram de origem semita embora tivessem habitado o Delta dos rios Tigre e Eufrates e, tal como os egípcios, se perpetuado através de várias dinastias que se seguiram desde 8 mil até 2 mil anos Antes de Cristo! Na foto, algumas estatuetas daquela misteriosa raça.

 

Os sumerianos possuiam tipos físicos bizarros e as suas antigas tradições falavam de um grande dilúvio, a chamada Epopéia de Gilgamesh, espantosamente coincidente com o relato bíblico de Noé! Alguns pesquisadores pensam que seriam sobreviventes da Atlântida, ou talvez membros de uma colônia afastada daquele perdido continente que, assim como teria acontecido com a colônia egípcia, viu-se depois do cataclismo que a submergiu repentinamente abandonada e entregue à própria sorte. Aliás, as escrituras sumerianas dizem mesmo que eles eram descendentes de um "povo vindo do mar".

 

Essa outra estatueta sumeriana, que se acredita datada de 3 mil anos Antes de Cristo, nos mostra o perfil de uma antiga rainha.

 

Porém, todas essas esculturas originárias daquela perdida civilização, sempre mostrando os seus estranhos e muito antigos habitantes, certamente escondem um segredo profundíssimo....

 

Aqui uma espantosa surpresa, talvez a maior de todas: essas duas milenares estatutetas sumerianas representavam um antigo matrimônio! Agora, olhe bem as bizarras feições e o corpo da tal "esposa" (e parece que o pobre "noivo", já com "cara de cachorro que quebrou panelas", meio contrariado e quem sabe até pedindo socorro, não estaria lá muito satisfeito com esse duvidoso "privilégio")! Aliás, já vimos algo semelhante em uma página anterior deste Site, onde as antiqüíssimas estátuas de dois membros da estranha raça dessa mulher foram mostrados. Isso sugere que tal estranhíssima raça existiu mesmo e até parece que houve uma antiga miscigenação, envolvendo os sumerianos e essa outra curiosa espécie dotada de rostos de insetos - obviamente de origem não-terrestre! Note-se a "criança" ao colo da mulher.

 

E aqui vemos a foto de uma outra estatueta sumeriana, cuja idade é estimada em 5 mil anos Antes de Cristo - e portanto 7 mil anos antes da nossa Era - na qual é retratada uma mulher daquela mesma curiosa espécie, também amamentando uma criança dotada de bizarras feições!

 

E nessa foto você vê um pequeno busto, originário de um período mais tardio, retratando uma criatura daquela raça porém já ostentando feições um pouco mais "humanizadas". Tudo sugere que essas sempre insistentes imagens não podem se tratar de meras coincidências e que em tempos muito remotos teria de fato ocorrido um cruzamento de espécies que deu origem aos Sumerianos e à sua civilização! Mas que "espécie" desconhecida teria sido essa, e de onde exatamente teria surgido para se misturar aos humanos, dando assim origem a uma nova cultura?

 

Aqui temos a belíssima estatueta mostrando um busto real de uma dinastia sumeriana bem mais recente, de Ur. E se esse foi o resultado do tal cruzamento de raças até que deu bastante certo, não é mesmo? Mas a reveladora imagem dessa soberana muito antiga, e que talvez seja uma das chaves do enigma, ostenta (no topo do seu diadema) as três estrelas - o sinal tríplice, ou trino - segundo a Tradição, sempre relacionado aos profundos mistérios do perdido Continente Atlante!

 

Leonard Wooley, o brilhante arqueólogo a quem se deve grande parte dos conhecimentos sobre os sumerianos, já escrevera que "Se o esforço humano tiver que ser julgado apenas por seus resultados, então os sumerianos merecem ocupar um lugar de honra. Se for, porém, julgado por seu efeito na História humana, merecerão eles um lugar ainda mais alto. Sua civilização, que iluminou um mundo ainda mergulhado em profunda barbárie, constituiu um primeiro impulso". Enfim, todos os esparsos vestígios arqueológicos da misteriosa Suméria (fotos) realmente nos mostram os resultados de uma avançada cultura, que realizava prodígios não só no campo das artes, como também na Matemática, na Arquitetura e na Astronomia (eles conseguiram determinar a revolução lunar com diferença de apenas 4 segundos dos nossos modernos astrônomos e até mesmo os movimentos do planeta Mercúrio!). Aliás, foi de lá que surgiram e se estabeleceram os princípios da escrita e também da Geometria, mais tarde propagados pelos babilônios que se aproveitaram da herança resultante dos seus conhecimentos. E segundo as tradições da antiga Babilônia, a história do seus antecessores - isto é, precisamente os antigos sumerianos - remontaria quase à época da criação do homem! Quem teriam sido eles então? Eis um outro grande mistério, assim como tantos e tantos ainda sem as devidas respostas!

 

Próxima Página

Página Anterior

DOOM2 music