Home

NOS DOMÍNIOS DO REALISMO FANTÁSTICO

 

ANCIENT CODES

Página publicada em 23/outubro/2015

"Muitas obras dos Antigos tornaram-se fragmentos. Muitas obras dos modernos já nascem como tal"

(Friederich Von Schlegel - Filósofo alemão)

 

Imponente, misteriosa, sagrada - a portentosa Esfinge de Gizé sempre representou um formidável enigma. Segundo as antigas Tradições, tão antiga quanto a noite dos tempos, ela é a eterna guardiã dos mais profundos segredos. E realmente tão antiga que até mesmo os próprios egípcios do passado desconheciam a sua existência! Pois, entre as patas da Esfinge existe uma marco comemorativo, denominado "A Estela de Tutmés IV", relatando que aquele faraó que reinara na XVIII Dinastia entre os anos 1412-1402 aC, enquanto príncipe tivera uma "visão" que lhe ordenara escavar as areias do deserto de modo a trazê-la à luz - (Dar-te-ei a realeza sobre a Terra como cabeça dos seres vivos; tu levarás a coroa branca e a coroa vermelha sobre o trono de Geb, príncipe dos deuses. É aqui, que agora, a areia do deserto me atormenta, a areia por cima da qual eu ESTAVA EM OUTRO TEMPO. Ocupa-te de mim, para que possais realizar tudo que desejo) - O que efetivamente foi feito, revelando assim a sua imponente presença na paisagem com o seu olhar cavo e enigmático fitando o Leste desde tempos imemoriais. Para a Arqueologia tradicional, "apenas uma lenda", pois acredita-se que tenha sido erigida entre os anos 2558-2532 aC, durante o reinado do faraó Quéfren. Uma mera suposição que acaba de cair por terra!...

 

... Porque, de acordo com um estudo científico, cientistas ucranianos revelaram que uma surpreendente evidência arqueológica prova que a Grande Esfinge tem uma antigüidade cerca de... 800 MIL ANOS!!!...

 

... Um enigma que sempre desafiou as mentes mais inquiridoras e racionais, pois essa, que é maior estátua feita de monólito no mundo, com 73,5 metros de comprimento, 19,3 metros de largura e 20,22 m de altura, jamais teve qualquer registro escrito pela antiga e milenar civilização egípcia, a não ser o texto contido na Estela de Tumés IV! Representando uma criatura mítica com corpo de leão e uma cabeça humana, esotericamente ela simbolizaria a evolução do homem desde o animal até a sua evolução como criatura divina, racional e pensante! Fitando desde as mais remotas eras o sagrado Leste, de onde provém a Sagrada Luz do Sol - o astro considerado na Religião Cósmica, Universal, como o Divino Andrógino, o Duplo de Deus e Doador da Vida - também reverenciado desde os esquecidos tempos da perdida ATLÂNTIDA!...

 

... As lendas, então, não são meramente lendas. A Antiga Tradição diz que sob esse monumento existem câmaras subterrâneas e também um túnel que a ligariam à Grande Pirâmide, compartimentos repletas dos chamados "Registros" que contam a verdadeira história do nosso planeta, assim como os registros da verdadeira gênese da espécie humana - como também repletas de exemplares de uma formidável e perdida tecnologia do passado, utilizada por uma avançada civilização perdida e que somente serão revelados quando os tempos estiverem maduros e talvez propícios! Repositórios subterrâneos, algo que também se revelou verdadeiro, pois os GPR - radares de penetração subterrânea - recentemente comprovaram que TAL TÚNEL E AS CÂMARAS EXISTEM REALMENTE - todavia, por parte do Governo Egípcio e também por parte de obscuros interesses, não sendo permitido a sua escavação! Note-se, por oportuno, que na Estela de Tutmés, são representadas edificações SOB a Esfinge! Por que, então, temem e suprimem a revelação de uma verdade tão relevante para evolução humana?...

 

... Porém, os tempos mudaram. E mais ainda irão mudar! Porque pouco a verdade soberana emerge! Assim, a antigüidade da Esfinge acaba de ser revelada através de um estudo apresentado pela Conferência Internacional de Geoarqueologia, em Sofia, intitulado: - ASPECTO GEOLÓGICO DO PROBLEMA DE DATAÇÃO DA CONSTRUÇÃO DA GRANDE ESFINGE EGÍPCIA, (grifos nossos) - "colocando por terra os aspectos ortodoxos e tradicionalistas sobre a remota civilização egípcia e UMA OUTRA - afirmação tendo como base em um estudo científico da Academia de Ciências da Ucrânia, em razão da evidência física causada pela erosão da água que cercava os monumentos do planalto de Gizé"!

 

Nada mais poderá, portanto, permanecer oculto. Os Antigos Códigos se revelam! Nesse sentido, muitas coisas do passado fazem-se vividas, retornam - tal como um fantasma que teimosamente se recusa a abandonar uma velha casa! Os antigos já mencionavam nas suas tradições e nos seus antigos registros históricos que no nosso Sistema Solar existiria uma companheira invisível com mundos na sua órbita (um deles habitado!) que a cada 3600/3650 anos viajaria ao nosso encontro na sua uma órbita de cruzamento!....

 

... A princípio (e por puro ceticismo) encarado como uma simples lenda, a partir do ano crítico de 2012, assim como os Antigos previram, esse tal astro misterioso e obscuro parece já estar mais uma vez se fazendo presente no âmbito do nosso Sistema Solar, sendo cada vez mais fotografado, filmado, e por vezes visualizado a olho nu nos nossos céus! O que ele é, e o que poderá representar para o nosso planeta e a nossa humanidade, somente o tempo poderá nos revelar!

 

ASTRÔNOMOS PODEM TER ENCONTRADO GIGANTESCAS "MEGAESTRUTURAS" ORBITANDO UMA ESTRELA PRÓXIMA À VIA LÁCTEA - uma estrela identificada pelo Telescópio Espacial Kepler possuir ancoradas estruturas que podem apontar para uma avançada civilização tecnológica!...

 

... Tudo como os Antigos ensinavam: - todo o Universo é bafejado pela VIDA, nele existindo seres nos mais variados estágios evolutivos, alguns deles infinitamente superiores e muito acima da compreensão humana! Essa recente e sensacional descoberta, segundo os Astrônomos, é representada por: - Um vasto agrupamento de objetos no espaço que parece com aquilo que se poderia esperar no sentido de ser construído por uma civilização alienígena! - este é o pensamento dos Cientistas da Penn State University tendo em vista daquilo que consideram como um bizarro e fascinante sistema estelar contendo um "enxame" de megaestruturas - muito possivelmente obras de seres alienígenas altamente avançados!...

 

... UMA MEGAESTRUTURA CONSTRUÍDA POR ALIENÍGENAS AO REDOR DE UMA DISTANTE ESTRELA? - SIM, é tudo aquilo que parece ser! No que amplamente concordam os Cientistas que se dedciam à procura por civilizações extraterrestres!...

 

... Assim sendo, tudo começara através de uma busca que vem sendo efetuada desde os distantes anos 50 pelo notável Cientista Sir Francis Drake, criador do Projeto OZMA, o qual vinha detectando sinais de origens desconhecidas, sem contudo obter provas concretas - mas somente até agora! Porque agora surgiu KIC 8462852 - a surpreendente descoberta recentemente efetuada pelo Telescópio Espacial KEPLER, que a vinha monitorando desde o ano 2009! Ou seja, estranhas flutuações de luz foram detectadas nas emissões dessa estrela as quais não puderam ser inteiramente explicadas, a não ser pela presença de uma colossal estrutura alienígena situada junto a ela!...

 

... Uma colossal estrutura nitidamente tecnológica, que vem a ser classificada como um ESFERA DYSON - ou seja, um tipo de megaestrutura originalmente descrita pelo Cientista Freeman Dyson, a qual orbitaria uma estrela de modo a rodeá-la completamente, capturando toda, ou maior parte, de sua energia emitida! Dyson especulou que tal estrutura seria a consequência lógica da sobrevivência e da escalar necessidade de energia de uma civilização avançada tecnologicamente e propôs que a busca de evidências da existência de tal estrutura poderia levar a detecção de vida extraterrestre dotada de inteligência avançada!...

 

... Em síntese, aquilo que circula a estrela KIC 8462852, situada a 1480 anos-luz da Terra tem enormes possibilidades de se tratar de um MUNDO ARTIFICIAL - uma esfera construída por avançada civilização alienígena, de modo a, não somente se locomover como uma nave espacial através do espaço sideral, como também para orbitar uma estrela dela usufruindo de toda a energia necessária para a sobrevivência dos seus habitantes! Ficção Cientifica? NÃO; a Ciência hoje diz que NÃO! Hoje, mais do que nunca, toda a ficção se torna realidade!

 

Simplesmente porque as assim chamadas coincidências simplesmente não existem! Em vista disso, isto é, da recente revelação científica da possibilidade da ESFERA DYSON, mais uma vez temos que reconhecer a incrível capacidade de prever o futuro da indústria cinematográfica de Hollywood que, bem antes disso, ou seja em 1977, lançou a série de ficção STARWARS (Guerra nas Estrelas), onde a chamada ESTRELA DA MORTE - uma nave guerreira alienígena - que se movimentava através do Universo e ancorava em alguns setores, nada mais era do que um ANTEVISÃO DA ESFERA DYSON - algo que somente HOJE a Ciência reconhece como uma real possibilidade, elaborada por civilizações alienígenas muito avançadas! Agora responda: - concordaria conosco que Hollywood é sempre muito, "MUITO" sutil? Sim, claro. Mas, QUEM forneceria tais futurístcias e privilegiadas informações?

 

De qualquer forma, todo o conhecimento parece estar em processo de profundas transformações - da mesma forma como também está acontecendo com o Universo - e até mesmo no próprio âmbito da nossa morada - a Via Láctea - conforme essa outra recente constatação divulgada pela ESA (Agência Espacial Européia):

 

.. Ou seja, UM MONSTRUOSO BURACO NEGRO QUER ACORDA APÓS SEIS ANOS! E situado dentro da nossa própria galáxia, a Via Láctea! Uma notícia somente agora divulgada e que dá conta de algo que a ESA vinha detectando desde junho de 2015. O seu satélite exploratório verificou a ocorrência de uma excepcional explosão de alta energia luminosa produzida por um buraco negro que está "devorando" o material estelar que o acompanha! No Sistema V404 Cygni, localizado na nossa Via Láctea, o material flui da estrela diretamente ao buraco negro e o concentra em um disco enquanto é aquecido, emitindo ondas ultravioletas e raios-x antes de penetrar em espiral no interior do imenso buraco negro! Em síntese, o buraco negro suga tudo para o seu interior - o que um dia qualquer poderá ser o destino do nosso Sistema Solar! Como sempre acontece, é algo que vinha sendo monitorado pela NASA e pela ESA sem contudo ser devidamente divulgado até agora...

 

... E nada de novo nisso, pois eles sempre divulgam tudo aquilo que sabem de modo parcimonioso e a conta-gotas! Como, por exemplo, ISSO - algo que também eles sabem há muito tempo e agora vêm divulgando em doses homeopáticas: a existência de água em Marte que não pode ser negada, até porque eles mesmos já divulgaram, que ela flui em grande quantidade (e de modo corrente) naquele planeta! Agora dizem que a Cratera Gale - onde, aliás, pousou a Curiosity - comportou lagos de água líquida durante um período de até 10 milhões de anos, e que - vejam só - teria sustentado formas de vida. Extremamente sutil, como de costume!...

 

... E por que usam o termo pretérito de 10 mil anos para se referir à existência da água se na própria Cratera Gale (vista ao fundo nessa foto panorâmica tomada pela Curiosity) podemos discernir aquilo que parece AINDA ser o curso de um rio, ou então um lago? Aliás, todas as rochas vistas na imagem sugerem que ali de fato existira um enorme lago, cujo resquícios parecem ainda reviverem ao fundo - precisamente na região onde se acha uma área "acinzentada".

 

Não somente a água, como também a NASA sabe muito bem que Marte já abrigou uma avançada civilização - o que, mais cedo, ou mais tarde, ela será forçada a reconhecer publicamente. Pesquisadores norte-americanos descobriram (algo como sempre genericamente mostrados nas imagens da Curiosity), a existência de ANTIGOS PETROGLIFOS E ESTÁTUAS EM MARTE!...

 

... Nesse sentido, vejam só a comparação feita pelos pesquisadores em relação aos petroglifos existentes aqui na Terra com as imagens (petroglifos) gravadas em um rocha marciana....

 

... Onde qualquer semelhança não terá sido mera coincidência! Examinemos, então, o detalhes ampliado e o seu correspondente negativo. Claramente são os destroços de uma antiga coluna - mostrando uma cinta de inscrições já bastante desgastada, tendo, além de um símbolo no topo, uma representação, digamos, quase que hieroglífica, e, bem ao seu lado, a figura esculpida de um personagem tipicamente alienígena! Alguma dúvida? Impossível duvidar disso!

 

Afinal de contas, a Curiosity não foi colocada em Marte para fazer jus ao seu nome - ou seja, procurar " CURIOSIDADES"? Pois é! E que tal, então, ESSA "curiosidade" aí da foto? É que de quando em vez a Curiosity "inocentemente" dirige as suas potentes câmeras para o céu de Marte. E graças a uma "feliz coincidência" (certamente causada por um sensor de presença), elas filmaram as evoluções de uma nave alienígena no céu noturno de Marte, e evoluindo bem acima delas!...

 

... Uma NAVE ALIENÍGENA? Sim, claro - aliás, não poderia ter sido outra coisa! Reparem nos detalhes ampliados...

 

... Principalmente no detalhe (agora no negativo) da parte traseira da nave, na qual é nítida a enorme abertura de saída da sua propulsão!...

 

... E para melhorar ainda mais as coisas, não é que a nave manobrou em sentido vertical e bem acima da Curiosity, como que desejando ser fotografada? Pois é, pode ter sido, quem sabe, mais uma sutil advertência que a NASA finge que não entende, porém (sempre e muito sutilmente) mostra nas suas fotos!

 

A NASA, aliás, vem sutilmente preparando a humanidade e assim a mente coletiva do distinto púbico para, a qualquer momento, fazer mais uma das suas "sensacionais" revelações. É assim que a coisa costumam funcionar: primeiro foi a "descoberta da água em Marte", depois mostram nas suas sempre sutis fotos - e assim como "quem não quer nada" a existência dos vestígios de vida naquele mesmo planeta, e agora descobrem a existência da água e de UM CÉU AZUL no distante Plutão - anteriormente rebaixado por eles mesmos como sendo um planeta e agora novamente considerado um planeta-anão...

 

... Um planeta envolvido por uma manto de coloração azul? Claro, isso sempre é um sinônimo de ATMOSFERA! Além disso ostentando regiões contendo ÁGUA congelada, como eles mesmos afirmam? O que seria preciso, então, além disso para reconhecer que lá também poderia existir a VIDA?...

 

... Pois é! Tendo em vista o teor dessa outra notícia vista acima, qual seria o "ALGO MAIS" que a NASA, como sempre dotada de uma sutileza ímpar, teria para revelar?...

 

... Eis então o teor dessa notícia: um gelo também vermelho em Plutão! Por outro lado, reconhecem que há uma extraordinária semelhança com o ambiente da nossa Terra!...

 

.. Aqui vemos regiões de Plutão cobertas de ÁGUA - colorações azuis que eles chamam de "gelo"!...

 

... E não é somente isso! Uma das luas de Plutão, precisamente CHARON (ou CARONTE), tem "cativado a NASA", e eles ainda afirmam que "ESTE MUNDO ESTÁ VIVO"!...

 

... Algo que, assim como seu companheiro Plutão, também continua a "surpreender a NASA", tendo um dois seus pesquisadores afirmado que 2015 será um ano que: - "se torna um padrão para sempre em virtude de a humanidade desvelar este mundo situado à borda no seu Sistema Solar"!...

 

... E - vejam só - na Universidade de Alberta , no Canadá, o Dr. Alan Stern (da NASA) comentou que diante disso (grifos nossos): - "Bem poderíamos estar falando de FORMAS DE VIDA ALIENÍGENAS" - este mundo está vivo. Tem clima, possui nevoeiros na atmosfera (um sutil eufemismo para definir "nuvens"), além de uma ativa geologia" - revelando ainda que essas recentes imagens mudarão tudo que sabemos sobre o Sistema Solar, e finalizou afirmando que: - A NASA NÃO ME PERMITE DIZER O QUE ELES ESTÃO ESPERANDO PARA DIZER A VOCÊS NA PRÓXIMA QUNTA-FEIRA. É SURPREENDENTE". - O que disseram, então, na tal " quinta-feira próxima" que não foi divulgado?

 

Existem coisas igualmente "surpreendentes" que nunca são divulgadas? Claro! E que tal, por exemplo, ISSO? O PROJETO BLUEBOOK, foi o terceiro estudo conduzido pela Área 51, sob a condução da Força Aérea dos EUA (USAF), para investigar os objetos voadores não identificados (UFOS). Iniciado em 1952, foi totalmente encerrado em janeiro de 1970. Ao seu término foram recolhidos 12.618 indícios, e ao final concluiu-se que a maioria era "interpretações equivocadas de fenômenos naturais (nuvens, estrelas, etc) ou aviões convencionais". Muitos eventos foram considerados fraudes. Contudo, ao todo 701 casos - aproximadamente 6% dos casos— foram classificados como "inexplicáveis". As informações foram arquivadas e estão disponíveis sob a Lei de Liberdade de Informação, mas os nomes dos testemunhos e outras informações pessoais foram eliminados. Pois é, como também muitas coisas "indigestas" não foram inteiramente reveladas - assim como ESTA que você vai ver agora:

 

Ou seja, nessa filmagem tomada pelos astronautas da Missão APOLLO 11 (levada a efeito em 1969), alguma coisa muito estranha foi detectada, ao longe, na superfície lunar - alguma coisa que se movia!...

 

... Precisamente ISSO! - Uma criatura alienígena dotada de elevada estatura que, por sua vez, também teve a sua atenção despertada pela presença dos dois astronautas da NASA!...

 

... A criatura até que tentou se abaixar para esconder a sua presença, porém de nada adiantou....

 

... Diante da movimentação da criatura alienígena, o áudio oficial da filmagem gravou os gritos de espanto e de total agitação dos astronautas (certamente Armstrong e Aldrin), naturalmente surpresos com aquela inusitada aparição...

 

... Cujo detalhe ampliado nos dá conta de que a tal criatura deveria ter uma altura oscilando perto dos 3 metros, não necessitando de equipamentos para respiração na Lua, e ainda dotada de longos membros, certamente bípede, muito embora o ângulo da filmagem não permitia identificar essa particularidade. Possivelmente possa ter se tratado de um alien da tipologia dos chamados "Grays altos".

 

O que não teria sido novidade alguma, uma vez que essas pragas estão presentes (e agindo) não somente na Lua, como também aqui por baixo mesmo! Essa foto, supostamente tomada em uma ocorrência de queda de UFO e obtida em local não revelado, pela aparência das vestimentas dos populares no local denota ser bastante antiga. Ela mostra, no interior de uma pequena cratera aberta pela queda do UFO cuja extremidade pode ser vista á direita, dois humanóides da tipologia gray, ainda vivos, parecendo pedir ajuda aos populares! E se eventualmente essa foto se tratou de uma montagem, terá sido realmente muito bem feita para se tratar de uma simples montagem!

 

A presença de entidades alienígenas (e da suas tecnologias!) ao nosso redor, tanto aqui na Terra, assim como nos corpos celestes que nos cercam, desde muito é sobejamente conhecida seja pela NASA, seja pela ESA - como principalmente pelos governos das grandes potências mundiais - totalmente comprometidos com a vergonhosa política de silêncio e encobrimento oficial que envolve tão delicado tema. No que tange aos Russos, eles também sabem disso (e muito bem) desde o distante ano de 1961 quando lançaram as Missões VENERA (tendo início em 1961 e término em 1984) constituídas por uma série de sondas espaciais desenvolvidas pelo programa espacial soviético, para a coleta de informações do planeta Vênus, inclusive no seu próprio solo - no qual foram fotografadas pelas câmeras acopladas certas coisas verdadeiramente espantosas...

 

... Não somente coisas espantosas, como também extremamente reveladoras - tais como esse animal - ou quem sabe um robô exploratório alienígena! - que se acercou dos pés da VENERA, movimentando-se ao seu redor como que detidamente a examiná-lo!...

 

... Além dessa outra "anomalia" que mais se parecia com um organismo extraterrestre em plena movimentação pela superfície de Vênus - teoricamente um "planeta morto"!...

 

... A partir dessa surpreendente constatação efetuada em Vênus pelas Missões russas VENERA, foi criada a FUNDAÇÃO SCP, a qual deu origem a uma série de protocolos secretos de modo a abordar o assunto. Um desses protocolos, em especial o SCP-1694, quase não dá para se acreditar no seu teor. Ou seja, estabelece procedimentos especiais de CONTENÇÃO EM GRANDE ESCALA dos casos de SCP-1694, e - vejam só - das suas ENTIDADES ASSOCIADAS QUE ATUALMENTE HABITAM A SUPERFÍCIE E A ATMOSFERA DE VÊNUS! E ainda de modo a PREVENIR, OU DIFICULTAR, o avanço ou a evolução da ANOMALIA SCP-1694, agentes "na" NASA e "na" ESA estão autorizadas a interromper, dificultar e SABOTAR qualquer missão planejada, tripulada ou não tripulada, de modo a explorar a ATMOSFERA ou a SUPERFÍCIE DE VÊNUS! Assim, qualquer material orgânico, mecânico, ou eletrônico, fica terminantemente proibido de ser lançado sobre a superfície daquele planeta! Tão sutil quanto um elefante em uma banheira, não? Sim, mas afinal de contas, o que vem mesmo a ser a tal "anomalia" SCP-1694?...

 

... Uma delas já vimos anteriormente circulando aos pés da antiga sonda exploratória russa Venera. Porém, mais ao fundo, nessa imagem nunca antes mostrada, vemos uma estrutura alienígena nitidamente artificial - e, portanto - obra de seres inteligentes! Note-se também AQUILO que está aos pés da tal estrutura, algo provido de TENTÀCULOS, como que ali colocado de modo a protegê-la!...

 

... SCP NÃO IDENTIFICADO (?) - ALERTA - estampa a legenda dessa imagem, mostrando a tal criatura semelhante a uma aranha se movimentando na direção da câmera!...

 

... Comprovem a assustadora aparência daquela coisa no correspondente negativo. E que tal se a estranhas estrutura ao fundo fosse um UFO? E que tal SE essa criatura... Fosse o seu tripulante??? E nada demais nisso. Não devemos raciocinar em termos unicamente terrestres! Pois, formas de vida estranhas (e algumas delas inteligentes!) comparadas com os nossos "padrões de beleza humanos" (e além da nossa limitada compreensão) certamente devem exister em profusão espalhadas por todo o Universo! Chocante, não?...

 

... Sim, sem dúvida, chocante! Em outras palavras, todos eles - NASA, ESA, Governos & Cia. Ltda - SABEM (porém jamais publicamente reconhecem) que a codificação SCP diz respeito a FORMAS DE VIDA E TECNOLOGIAS ALIENÍGENAS presentes - tanto no solo, como na atmosfera de VÊNUS! Por conseguinte,, SCP tanto pode significar UFOs pousados no solo, como edificações inteligentes e ainda entidades alienígenas bizarras por lá estabelecidas! Por que, então, a relutância em reconhecer de uma vez por todas e sem subterfúgios que existem formas de vida e fantásticas tecnologias dentro do nosso próprio Sistema Solar? O que eles temem? Porque sufocam a verdade? Por isso, e contra isso, devemos, portanto, continuar...

 

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA CONTINUAR

 

Próxima Página

Página Anterior

The Pit - Doom2 music